Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Belita, a Rainha dos Couratos

Blogue de receitas flexitarianas (carne, peixe e assim-assim)

Belita, a Rainha dos Couratos

Blogue de receitas flexitarianas (carne, peixe e assim-assim)

Qui | 21.10.21

"Mais vale pão duro que nenhum"

 

As migas são um acompanhamento que não dá trabalho nenhum a fazer e que existe porque em alguma altura o pão foi o que ajudou a matar a fome a muita gente, nomeadamente no Alentejo onde souberam elevá-lo a estatuto de ingrediente principal.

Quando vejo uma receita de migas, o mais provável é que sejam feitas com feijão frade, couve e broa. Nada contra, mas há mais migas para além da broa. Aqui fica a prova.

 

Migas com Tomate

 

20210929_123239.jpg

 

Pão seco (cerca de 400 grs)

1 cebola

1 dente de alho

2 tomates maduros, sem pele

Sal q.b.

Coentros picados

 

Pôr o pão em pedaços numa taça e cobrir com água fria.

Picar a cebola e o alho e levar ao lume com azeite, deixando amolecer sem queimar. Juntar o tomate picadinho e refogar. Adicionar o pão escorrido e com a colher de pau mexer desfazendo os bocados maiores de pão até que fique uma pasta que se solte do fundo do tacho.

Temperar com sal e juntar uma mão-cheia de coentros picados. Mexer e servir como acompanhamento de peixe frito, por exemplo.

 

Nota: uso pão seco de varios tipos que vou juntando no congelador até ter quantidade suficiente para fazer açorda ou migas

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.