Quinta-feira, 24 de Janeiro de 2019

dois ingredientes

 

Quando era miúda, criavam-se porcos lá em casa e desde os pés ao focinho, aproveitava-se tudo e tudo era um manjar (menos as iscas…).

Agora é raro comer carne de porco mas quando vem de alguém que sei que os cria com esmero, lá me decido.

Desta vez aproveitei para fazer Rojões, que é um prato muito típico da zona onde vivo e que, à moda da minha mãe, apenas leva dois ingredientes, a carne e o sal!

 

Rojões à moda da minha Mãe

 

20181223_131924.jpg

 

1,2 Kg de carne de porco em pedaços

Sal grosso q.b.

 

Pôr a carne num tacho largo e salpicar com o sal.

Levar o tacho ao lume no mínimo para largar alguma gordura tapado por uns dez minutos e de seguida destapar subir o lume e deixar frigir mexendo sempre para não pegar, até a carne estar dourada e bem cozida.

É essencial que de quando em quando se mexa a carne para que não agarre. Leva cerca de uma hora no total a ficar com este aspecto da fotografia, bem douradinho (ou mais um pouco se for carne caseira).

Retirar os rojões e servir com picles, azeitonas e rodelas de laranja.

 

Notas:

A carne deve ser entremeada de febra e gordura. A gordura é que vai derreter e fazer com que a carne frite na sua própria gordura.

Aproveitar o pingue (banha) para outros cozinhados.

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | favorito
Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

mais sobre mim


ver perfil

seguir perfil

. 98 seguidores

cuscar

digam qualquer coisa

coolinaria@sapo.pt

A Belita no Facebook!

My taste

mytaste.pt

favoritos

Amarelo vivo, amarelo neg...

armazém de receitas

tags

todas as tags

os meus livros de receitas, alguns...

blogs SAPO

subscrever feeds