Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Belita, a Rainha dos Couratos

Belita, a Rainha dos Couratos

Qui | 23.07.15

do nosso mar

 

No mercado onde faço compras há várias bancas de venda de peixe fresco ‘do nosso mar’. A pescada é normalmente da Póvoa de Varzim e de vez em quando há por ali uns exemplares de meter respeito, enormes!

Quando compro uma peço com pouco mais de um quilo. Depois peço para retirarem os lombos inteiros mas que ponham tudo no saco pois tudo vai ser usado, inclusive as espinhas e cabeça, seja para um arroz, uma sopa de peixe ou outra coisa qualquer.

A peixeira onde compro é muito terra-a-terra e apesar de já saber escalar um peixe, o conceito de retirar os lombos inteiros ainda é um bocado à frente por isso costumo sair de lá com pedaços… isto porque é daqueles sítios onde não estamos à espera que nos arranjem o peixe. Vamos lá, escolhemos, dizemos o que queremos e vamos ao resto das compras. No fim é pagar e pegar. E ver que não são lombos, são bocados. Mas tudo se aproveita 

 

Filetes em capa de ervas aromáticas

 

IMG_4507.JPG

  

2 filetes de pescada fresca

1 fatia de pão seco

1 ramo de ervas aromáticas

Sal e pimenta q.b.

Sumo de limão

Azeite

 

Temperar os filetes com sal e pimenta e umas gotas de sumo de limão.

Ralar o pão num moinho ou esfarelar muito bem. Cortar as ervas (usei salsa, aneto, menta vietnamita) e adicionar ao pão ralado. Passar bem os filetes nesta mistura pressionando com as mãos para agarrar bem.

Aquecer um fundo de azeite numa frigideira e fritar os filetes até estarem dourados e estaladiços.

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.