Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Belita, a Rainha dos Couratos

Belita, a Rainha dos Couratos

Sex | 09.04.21

das saudades

 

Uma das coisas de que sinto falta, mas mesmo muito, é das minhas visitas à Galiza, aqui tão perto. Num ano normal era capaz de ir lá duas ou três vezes, quer de férias quer para ir a Tui ao mercado (à quinta-feira). Parece um disparate fazer cento e tal quilómetros para ir a um mercado mas é o que temos, era o que me agradava e além disso podia ir almoçar ao Cabalo Furado que é um dos meus restaurantes favoritos em Tui [o velho, embora o novo também não seja mau].

Ora desde Setembro de 2019 que não meto lá os pés e as saudades são muitas, quer dos lugares e gentes, quer da comida.

Quanto aos lugares e gentes não há muito a fazer senão esperar que tudo melhore para todos nós; quanto à comida, nada que não se resolva 

 

Empanada Galega de Bacalhau e Passas

 

IMG_20210402_191848.jpg

 

Massa:

500 grs de farinha

150 grs de óleo de girassol ou azeite

150 grs de leite

1 ovo batido

Sal q.b.

 

Recheio:

3 cebolas

1 colher de chá de pimentão ou paprica em pó

400 grs de bacalhau demolhado

4 colheres de sopa de azeite

75 grs de uvas passas

1 ovo batido

 

Numa taça pôr a farinha e fazer um buraco no meio, deitar aí os restantes ingredientes e amassar com uma mão enquanto a outra segura a taça. Não é necessário batedeira ou robot porque esta massa fica pronta num instante e não precisa de ser muito amassada, apenas precisa de ficar sem se agarrar às mãos. Deixa-se repousar enquanto fazemos o recheio e depois corta-se em duas partes, uma ligeiramente maior do que a outra.

Entretanto cortar as cebolas em rodelas ou meias-luas e alourar no azeite por cerca de dez minutos. Adicionar o pimentão e mexer.

Cortar o bacalhau em bocados com cerca de 2 cms e adicionar, juntamente com as passas, ao refogado. Mexer e apagar o lume. O bacalhau vai cozer no forno.

Estender metade da massa e forrar um tabuleiro com a massa. Pôr o recheio por cima e estender a outra metade da massa (a mais pequena) pondo-a por cima do recheio. Enrolar as pontas das duas metades da massa descartando o que estiver a mais. Usar essa massa a mais para enfeitar a empanada.

Pincelar com o ovo batido e levar a forno quente por cerca de 20 a 30 minutos, deve estar dourada.

 

Nota: As receitas, quer da massa quer do recheio, vieram daqui

 

IMG_20190902_152846-COLLAGE.jpg

(coisas que me fazem falta)

5 comentários

Comentar post