Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Belita, a Rainha dos Couratos

Belita, a Rainha dos Couratos

Sex | 12.04.19

das saudades...

 

Esta receita foi-me dada há anos por uma prima da minha Mãe que faleceu há cerca de dez anos já com 95 anos.

Sempre que íamos a casa dela, numa aldeia de Sever do Vouga de onde é natural também a minha Mãe, tinha um destes bolos enormes à nossa espera, embrulhado em papel de seda e atado com um fio, para trazermos para casa.

Era de uma simpatia e carinho fantásticos e costumava também ter compotas e ovos caseiros para nos dar. A sua casa parecia de conto de fadas, um verdadeiro oásis de bom gosto e simplicidade numa aldeia de gente rude onde a beleza das coisas era tida como perda de tempo.

Penso nela muitas vezes e apesar de ter esta receita escrita pela sua mão há anos, esta foi a primeira vez que a fiz. A compota de laranja que faço há anos é também uma receita sua.

Fiz apenas metade da receita porque como disse faz um bolo enorme. Como a Páscoa está aí à porta e o pão-de-ló é quase obrigatório à mesa nessa altura, fica aqui a sugestão.

O bolo vai muito bem, muito bem mesmo!, com queijo da serra, experimentem e digam lá se tenho ou não razão 

 

O Pão-de-Ló da Prima Carolina

 

IMG_20190406_212313.jpg

 

12 ovos grandes

500 grs de açúcar

350 grs de farinha Branca-de-Neve

Raspa de limão

 

Junta-se numa tigela o açúcar com 11 gemas e bate-se muito bem (até triplicar de volume). De seguida junta-se a farinha, a raspa de limão e um ovo e mexe-se muito bem.

Por último juntam-se as claras em castelo (no recipiente onde se batem as claras deve-se previamente colocar umas gotinhas de limão e uma pitada de sal). As claras devem ficar em castelo firme.

Untar uma forma com buraco e deitar a massa na forma. O bolo cresce bastante pelo que a forma tem que ser grande.

Levar ao forno em temperatura moderada por uma hora (verificar antes pois depende do forno).

carolina.PNG

Nota: o bolo da foto foi feito com metade da receita