Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Belita, a Rainha dos Couratos

Belita, a Rainha dos Couratos

Ter | 25.02.20

das festas

 

Terça-feira gorda é sinónimo de excessos, quer de comida quer de bebida. Festa com raízes pagãs, passou a ser de cariz cristão por esse mundo fora e antecede a Quaresma, época em que os cristãos jejuam e fazem algum tipo de sacrifício.

Em casa dos meus pais o jejum sempre foi de carne e apenas à sexta-feira tendo maior significado na Sexta-feira Santa. Eu, mais por tradição do que por convicção, faço peixe nessa sexta-feira e nem imaginava que o ‘jejum’ podia ser de outras coisas que não de comida.

Tenho amigos de países anglo-saxónicos que optam por exemplo por não aceder a redes sociais na Quaresma, uma amiga que adora café opta por não o beber, outros pura e simplesmente não veem filmes, não têm sexo ou não leem.

Por cá, a melhor expressão que já ouvi acerca do jejum é da mãe de uma amiga minha que diz: O problema não é o que entra da boca para dentro, é o que sai da boca para fora.

 

Panquecas de Aveia e Banana

 

IMG_20200209_095756.jpg

 

½ banana

1 copo de flocos finos de aveia
1 ovo

½ a 1 copo de leite

 

Esmagar bem a banana e adicionar a aveia e o ovo. Mexer bem e adicionar o leite pouco a pouco até a massa ter uma consistência espessa sem ser muito grossa.

Aquecer uma frigideira e untar com um pouco de manteiga ou óleo de coco.

Deitar a mistura das panquecas (cerca de meia concha), deixar cozer de um lado até ficar com buraquinhos, virar, deixar cozer por mais um a dois minutos e retirar para um prato.

Repetir até gastar toda a massa.

Servir com fruta fresca e xarope de ácer ou mel.