Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Belita, a Rainha dos Couratos

Belita, a Rainha dos Couratos

Ter | 20.04.10

pavlova, take #1

Não foi um sucesso, mas já deu para ver que é bom e quais os erros feitos na pressa.

Confesso que para mim as receitas são normalmente uma inspiração, leio-as e depois parto dali para qualquer coisa que pode ou não ficar parecida com aquilo que li.

Neste caso, encontrei uma receita de Pavlova que me pareceu fácil e, como até tinha umas claras 'a pastar' no frigorífico, toca a experimentar.

Tudo muito bem, fácil de fazer, o ponto das claras 'no ponto'. Enfim, os ingredientes todos para um sucesso.

Mas não, tinha que me ter esquecido que a temperatura do forno neste caso era MUITO importante e lá foi ela, para um forno no máximo, onde crestou logo, logo, e o que deveria ter ficado por uma hora em forno baixo, foram cerca de 15 minutos, isto para não se estragar tudo!

Para a próxima já sei...

 

Pavlova com Creme de Queijo e Molho de Morangos

 

 

 

Pavlova

4 claras

3/4 de copo de açúcar

 

Bater as claras em castelo. Quando estiverem já altinhas e com aspecto espumoso, adiciona-se o açúcar, uma colher de cada vez, deixa-se incorporar e continua-se a bater muito bem até se formarem picos que não perdem a forma.

Num tabuleiro forrado com uma folha de papel vegetal dispõem-se as claras batidas a formar um monte redondinho.

Vai a forno quente que imediatamente se põe no mínimo e deixa-se cozer por cerca de uma hora. Se começar a ficar tostado, tapa-se com um bocado de papel de alumínio.

Ao fim do tempo recomendado, desliga-se o forno e deixa-se a Pavlova lá dentro por duas horas. Muda-se para um prato de servir.

 

Creme de Queijo

300 grs de queijo fresco pasteurizado

50 grs de açúcar

 

Para fazer o creme de queijo (usei Fromage Blanc, da Paturages), bate-se o queijo com o açúcar até ficar parecido com chantilly. Põe-se este creme sobre a Pavlova e por cima dispõem-se os morangos e o molho que tiverem.

 

Molho de Morangos

500 grs de morangos bem maduros

1 colher de sopa de açúcar amarelo

1 colher de sopa de vinagre balsâmico

 

Limpar os morangos, retirar os pés e cortar em rodelas grossas. Colocar numa frigideira, polvilhar com uma colher bem cheia de açúcar amarelo e uma colher de vinagre balsâmico. Levar ao lume até ferver, mexer e deixar borbulhar por cinco minutos.

Deixar arrefecer e utilizar como molho em: pavlova, requeijão, iogurte, cheesecake, etc.

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.