Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Belita, a Rainha dos Couratos

Belita, a Rainha dos Couratos

Sab | 24.10.09

favas contadas

Favas com chouriço. É um nome assim meio foleiro, não é? Se calhar é porque não sou fã deste prato mas cá em casa há quem o considere um dos melhores pitéus à face da terra. Assim como eu acho o arroz de cabidela. Isto dos gostos, cada um tem o seu e de vez em quando faz-se um armistício e lá vêm as belas das favas. Só não me peçam que seja ao som da música dos José Cid, por favor...

 

Favas com Chouriço

 

 

1 kg de favas

1 chouriço de carne

1 chouriço de vinho

1 morcela

1 farinheira

Meio quilo de carne de porco da barriga, cortada em cubos

1 cebola grande

1 copo de vinho branco

1 copo de água

azeite

sal

coentros

 

A versão que faço é mais ou menos a olho, como via a minha mãe fazer, e sem refogado. Põe-se tudo em crú no tacho e vai ao lume, ou seja, põe-se a cebola picada, o azeite, a carne, o sal (pouco pois os enchidos são apetitosos), as favas e os enchidos inteiros. Por cima o vinho e a água. Leva-se ao lume e de vez em quando abana-se o tacho para os sabores misturarem (as favas não devem ser mexidas com a colher de pau). Verifica-se o molho, se for necessário acrescenta-se mais água e vinho. Quando estiver quase pronto, polvilha-se com os coentros picados.

 

Para servir cortam-se os enchidos às rodelas grossas.

 

Na minha versão ponho sempre ovo a escalfar, quase no fim. Como não gosto muito deste prato, o ovo é a minha recompensa...