Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Belita, a Rainha dos Couratos

Belita, a Rainha dos Couratos

Qui | 24.01.13

outras geleias

Nem sempre o que aprendemos é dos livros.

Uns amigos neozelandeses a viver na Suíça trouxeram-me, aquando de uma visita, um frasco de geleia caseira. Nada de estranho, eles gostam de fazer geleias e compotas.

O que é estranho é que esta geleia era feita dos frutos da roseira! Mais especificamente de uma qualidade chamada Rosa canina (ou rosa mosqueta).

Gostei muito da geleia. E, como não tenho rosas desta espécie, pedi à minha irmã para me guardar as bagas de uma roseira muito cheirosa que ela lá tem e que dá umas rosas lindíssimas que se chamam Ofélias.

Quem não tem cão (ou Rosa canina) caça com gato!

 

Geleia de Bagas de Roseira

 

 

2 kgs de bagas de roseira sem os topos

Água

 

Açúcar (500 grs por cada 600 ml de líquido)

Sumo de um limão

 

Numa panela cozer as bagas cobertas com água por cerca de uma hora.

Esmagar os frutos entretanto cozidos com uma colher de pau ou com um esmagador de batatas. Deixar arrefecer dentro da água e quando frio coar numa musseline por umas horas ou de um dia para o outro.

Medir o líquido da geleia. Por cada 600 ml juntar 500 grs de açúcar e levar ao lume, deixando ferver. Juntar o sumo de limão. Baixar o lume e deixar fervilhar até ganhar ponto.

Deitar em frascos previamente esterilizados e fechar os frascos imediatamente para criar vácuo.

 

Nota: para 2,2 litros de líquido usei 1 kg de açúcar e ferveu por hora e meia até fazer ponto

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.