Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Belita, a Rainha dos Couratos

Blogue de receitas flexitarianas (carne, peixe e assim-assim)

Belita, a Rainha dos Couratos

Blogue de receitas flexitarianas (carne, peixe e assim-assim)

Seg | 29.10.12

reutilizar

É muito raro fazer rissóis. Acho que há mais de dez anos não me metia a uma empreitada destas.

Mas, como me deram uma sacada de ameijoas da ria de Aveiro, fiz Ameijoas à Bulhão Pato. Só que eram mesmo muitas e as que sobraram tiveram que levar destino, que foram uns belos de uns rissóis.

 

Rissóis de Ameijoas à Bulhão Pato

 

 

2 copos de água a ferver

1 colher de sopa bem cheia de manteiga

Sal

2 copos de farinha

Molho Bechamel

1 malga de miolo de ameijoas à Bulhão Pato

Ovo batido

Pão ralado

Óleo para fritar

 

Fazer a massa dos rissóis deitando a farinha na água a ferver com o sal e a manteiga. Retirar do lume e mexer rapidamente com uma colher de pau até a massa se despegar da panela e formar uma bola. Deixar arrefecer até se poder mexer na massa com as mãos. Dá-se uma amassadela na massa para ficar maleável e brilhante.

Entretanto faz-se o recheio. Faz-se um molho bechamel com duas colheres de sopa de margarina derretida num tachinho, adicione-lhe duas colheres de farinha mexendo sempre e adicione meio litro de líquido (usei leite misturado com molho das ameijoas), um bocado de cada vez. Mexa sempre até engrossar, ajuste o líquido se necessário e ajuste os temperos se necessário. Adiciona-se o miolo das ameijoas juntamente com os alhos e coentros sobrantes ao molho bechamel e mexe-se.

Com um rolo estende-se a massa para os rissóis, deita-se uma colherada de recheio em cada e dobra-se ao tamanho desejado. Passam-se por ovo batido e seguidamente por pão ralado e fritam-se em óleo bem quente.

Servir com salada russa, arroz de tomate, arroz de legumes ou outro acompanhamento a gosto.

 

Notas:

Fiz as Ameijoas à Bolhão Pato seguindo esta receita

Se forem muitos rissóis, podem-se congelar os restantes sem fritar. Depois é só retirar do congelador quando forem necessários e fritar, ainda congelados.

 

2 comentários

Comentar post