Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Belita, a Rainha dos Couratos

Belita, a Rainha dos Couratos

Sex | 24.05.19

Em modo repouso… (quase)

 

Como as cerejas ainda estão com preços proibitivos, desforramo-nos com morangos.

E que belas sobremesas nos proporcionam. E boas, como se não bastasse!

 

Tarte Fria de Morangos e Mascarpone

 

IMG_20190317_122228.jpg

 

200 grs de bolachas (usei Digestive)

100 grs de amêndoa ralada

90 grs de manteiga amolecida

350 grs de morangos

250 grs de queijo mascarpone

250 grs de iogurte grego

Mel q.b.

½ colher de chá de extracto de amêndoa (opcional)

Lascas de amêndoa q.b.

 

Triturar as bolachas com a amêndoa ralada e a manteiga amolecida. Pôr na base de uma tarteira com aro amovível e carregar bem para que não fique solto.

Numa taça bater o queijo mascarpone com o iogurte grego, o mel a gosto e o extracto de amêndoa, se usar. Deitar esta mistura sobre a base de bolacha e levar ao frigorífico para firmar.

Alourar as lascas de amêndoa e reservar.

Cortar os morangos em rodelas ao alto.

Dispor as rodelas de morango sobre a tarte e por cima espalhar as lascas de amêndoa e um fio de mel.

 

Nota: receita adaptada desta.

 

Qua | 22.05.19

Tesourinhos #9

 

Mais um tesourinho, daqueles que deviam estar sempre à luz do dia porque se há bolo de chocolate que merece a pena, é este!

O original pode ser encontrado aqui.

 

Aquele Bolo de Chocolate

 

8440751_1UMgl.jpeg

 

Bolo:

2 copos de açúcar

1 ¾ copos de farinha

¾ copo de cacau em pó

1 colher de chá de sal

1 ½ colheres de sobremesa de fermento em pó

1 ½ colheres de sobremesa de bicarbonato de sódio

2 ovos grandes, batidos ligeiramente

½ copo de óleo

1 copo de leite

1 copo de água a ferver

 

Misturar todos os ingredientes excepto a água a ferver e bater na batedeira por dois minutos. Acrescentar a água com cuidado. A massa vai ficar bastante líquida mas é mesmo assim.

Vai ao forno em forma sem buraco untada e com papel vegetal no fundo da forma.

Coze em forno médio por 35 minutos (experimentar com um palito após os 30 minutos).

Retirar do forno e deixar arrefecer por cinco minutos na forma. Desenformar e deixar arrefecer completamente.

 

Recheio:

300 grs de natas espessas

3 colheres de sopa de açúcar em pó

150 grs de morangos

 

Bater as natas com o açúcar em pó até ficar mais volumoso e cremoso. Misturar os morangos bem picadinhos e envolver.

 

Cobertura:

200 grs de chocolate de cobertura

200 grs de natas espessas

1 colher de sopa de manteiga

 

Derreter num tachinho estes ingredientes. Mexer bem para que fique um creme liso e brilhante.

 

Preparação:

Cortar o bolo ao meio depois de frio e rechear com o creme de morangos. Colocar a outra metade em cima e aplicar a cobertura com uma espátula. Pode-se alisar ou fazer algum efeito como escolhi fazer, parecem ondinhas.

Levar ao frigorífico para refrescar e endurecer ligeiramente a cobertura.

Servir.

 

8440759_qZbln.jpeg

 

Nota: Este bolo é para corajosos!!! (para os que têm a coragem de não se deixar abalar com as notícias da balança...)

 

Ter | 21.05.19

mezinhas

 

A ver se conseguimos que o bom tempo venha a tempo dos feriados.

Para a chuva fazem-se danças, para o calor fazem-se cocktails 

 

Gin-ger Ale

 

IMG_20190517_182905.jpg

 

Gelo q.b.

30 ml de Gin

200 ml de ginger ale

1 quarto de lima

Hortelã (opcional)

 

Pôr o gelo num copo e por cima deitar o gin e o ginger ale fresco. Acrescentar a lima e, querendo, um raminho de hortelã.

Servir de imediato.

 

Seg | 20.05.19

e esta?

 

Há bastante tempo que não aparece aqui uma receita de Granola!

Tenho sempre num frasco e embora a maior parte das vezes faça a receita que mais me pedem, de vez em quando experimento uma diferente para ver se tem tanta saída como 'a do costume’.

Desta vez experimentei uma receita que leva curcuma e toda a gente sabe que esta é uma das minhas especiarias favoritas.

Ficou mesmo boa e super crocante!

 

Granola de Curcuma

 

IMG_20190519_220526.jpg

 

1 banana madura

3 colheres de sopa de xarope de ácer

2 colheres de sopa de óleo de coco

1 colher de chá de curcuma (açafrão das Índias)

2 copos de flocos de aveia

1 copo de amêndoas com pele

½ colher de chá de extracto de baunilha

1 pitada de cardamomo

 

No copo de varinha mágica triturar a banana, o xarope de ácer, o óleo de coco e a curcuma. Numa taça misturar os flocos de aveia, as amêndoas cortadas, a baunilha e o cardamomo. Deitar a mistura de banana sobre os focos e envolver.

Espalhar num tabuleiro forrado com papel vegetal e levar ao forno até estar bem dourado retirar do forno e deixar arrefecer (fica mais crocante quando está frio).

Guardar num frasco com tampa hermética. Dura até um mês.

 

Sex | 17.05.19

#orgulho

 

Quando consegues produzir alguns dos ingredientes dos pratos que confecionas…

 

Crumble de Ruibarbo e Morangos

 

IMG_20190512_141833.jpg

 

6 talos de ruibarbo cortados

250 grs de morangos cortados

1 colher de sopa de farinha Maizena

1 copo de açúcar amarelo

1 copo de farinha de trigo

1 copo de flocos de aveia

1 colher de chá de canela

¼ de colher de chá de noz-moscada

½ copo de manteiga derretida

Tomilho q.b.

 

Misturar o ruibarbo com os morangos e a farinha Maizena. Pôr numa tarteira e polvilhar com folhas de tomilho a gosto.

Numa taça misturar o açúcar, a farinha, a aveia, a canela e a noz-moscada. Adicionar a manteiga e misturar bem, fica uma espécie de migalhas. Deitar esta mistura sobre a fruta e polvilhar com mais um pouquinho de canela. Levar ao forno por cerca de 30 minutos. Servir morno ou frio com gelado, iogurte ou queijo fresco batido.

 

IMG_20190512_105647.jpg

 

Qui | 16.05.19

nada a ver

 

Acho que a carne que mais aprecio é a de frango mas tem mesmo que ser do caseiro. O sabor com que fica depois de cozinhado está a anos-luz daquele que se compra nos supermercados, mesmo quando se chama ‘frango do campo’.

 

Frango Assado com Tomilho

 

IMG_20190324_105948.jpg

 

½ frango caseiro em pedaços

12 dentes de alho

1 limão

Raminhos de tomilho

Sal e pimenta q.b.

1 cerveja mini

1 copo de água

1 colher de sopa de mostarda em pó

50 ml de azeite

 

Forrar um recipiente com tampa que posa ir ao forno com papel vegetal molhado. Dispor o frango, os dentes de alho (sem descascar), o limão cortado em quartos e os raminhos de tomilho. Temperar com sal e pimenta.

Numa tacinha misturar a cerveja com a água e a mostarda em pó. Deitar sobre o frango e por cima deitar um fio de azeite.

Cobrir com o papel sobrante e a tampa do recipiente e levar ao forno por cerca de duas horas.

Servir com arroz branco e legumes salteados.

 

Qua | 15.05.19

Tesourinhos #8

 

Têm-me dado alguns abacates bem maduros ultimamente e como precisam de ser gastos muito rápido, opto por fazer Guacamole, que é a receita que me fez ver o abacate com olhos de ver.

Nunca esquecerei a primeira vez que [não] comi abacate, é uma experiência inolvidável… mas gosto de insistir com alguns alimentos, não vá ter sido mal aconselhada da primeira vez (como foi o caso ) e por isso agora sou fã.

O [meu] original pode ser encontrado aqui.

O original [da receita] pode ser encontrado aqui. Vejam!

 

Guacamole

 

 

1 abacate

1 cebola pequena picada

1 tomate picado (sem sementes)

Sumo de uma lima

1 malagueta fresca picada

Sal e pimenta

Coentros picados 

 

Colocar os ingredientes num almofariz ou numa taça e amassar grosseiramente com o pilão ou com um garfo.

Servir com tortilhas de milho ou com tostas.

 

Ter | 14.05.19

auto cultivo

 

De vez em quando compro um fardo de produção de cogumelos, tenho tido sorte com os Pleurotos que compensam em quantidade o custo do fardo além de que é uma alegria vê-los crescer de dia para dia. Da última vez aproveitei para fazer isto.

 

Risoto de Cogumelos Pleurotos

 

20180224_192801.jpg

 

250 grs de cogumelos Pleurotos

1 colher de sopa de azeite

1 cebola picada

2 dentes de alho picados

1 copo de arroz ‘gordo’

1 dl de vinho branco.

Sal e pimenta q.b.

Caldo de legumes a ferver (ou água) q.b.

1 colher de sopa de manteiga

Salsa picada

 

Numa frigideira salteiam-se os cogumelos num fio de azeite e temperados com sal e pimenta a gosto. Reservam-se.

Num tachinho aquece-se o azeite. Junta-se a cebola e os dentes de alho picados e deixam-se alourar. Adiciona-se o arroz, mexendo bem e acrescenta-se 1 dl de vinho branco. Deixa-se evaporar e adiciona-se meio copo de caldo, mexendo  sempre. Quando o líquido evapora, junta-se mais um bocado, continuando a mexer. (Esta é uma receita que obriga a estar ao pé do fogão, sempre a mexer, mas compensa).

À medida que vai evaporando vai-se juntando mais líquido, nota-se que o molho vai ficando cremoso enquanto o arroz coze. No fim deve-se ter gasto cerca de cinco copos de caldo de legumes a ferver, um bocadinho de cada vez. Verificar se é necessário adicional sal.

Quando estiver pronto, adicionam-se os cogumelos salteados e a manteiga e envolve-se bem. Polvilha-se com a salsa picada e serve-se de imediato.

 

20180224_202118.jpg

 

Nota: A manteiga é para que o molho ainda fique mais macio e neste caso é usada em vez de queijo parmesão, normalmente utilizado em risotos mas que neste caso iria ofuscar os outros sabores mais suaves.

 

Seg | 13.05.19

para dar energia

 

O Muesli apareceu cerca de 1900 pelas mãos de um médico Suíço (Maximilian Bircher-Benner).

Este médico tinha um sanatório em Zurique onde dava esta preparação de flocos de aveia, fruta fresca e frutos secos aos seus pacientes pois era da opinião que uma alimentação com mais fruta e legumes e menos carne e/ou peixe era mais saudável.

Há milhentas versões de Muesli, pode-se comprar já preparado tendo apenas que se juntar o líquido (leite, sumo ou iogurte) mas eu prefiro fazer a mistura e, adaptando esta receita, e ficou muito bom!

 

Muesli de Coco e Mirtilos

 

IMG_20190509_073008.jpg

 

3 colheres de sopa de flocos de aveia

1 colher de sopa de sementes de girassol

1 colher de sopa de sementes de linhaça (usei metade moídas, metade inteiras)

1 colher de chá de sementes de chia

1 colher de sopa de coco ralado

2 colheres de sopa de iogurte natural

¼ de copo de mirtilos congelados

½ copo de leite

Xarope de ácer q.b.

Mirtilos

1 colher de chá de manteiga de amendoim (opcional)

 

De véspera misturar os flocos de aveia com as sementes, o coco, o iogurte, os mirtilos e o leite.

Deixar no frigorífico até ao dia seguinte e dividir por duas taças.

Adoçar a gosto com xarope de ácer.

Adicionar mais mirtilos e a manteiga de amendoim e servir.

 

Sex | 10.05.19

aproveitar

 

Uma colega deu-me três abacates maduros. Dois finaram-se aqui, outro num guacamole de lamber os dedos 

 

Mousse de Abacate e Cacau

 

IMG_20190510_134451.jpg

 

Polpa de 2 abacates

10 tâmaras sem caroço

100 ml de água a ferver

1 colher de sopa de cacau em pó

1 colher de sopa de manteiga de amêndoa

2 colheres de sopa de mel

20 grs de chocolate negro

 

Deixar as tâmaras de molho na água a ferver enquanto se preparam os restantes ingredientes.

Juntar tudo (excepto o chocolate negro) num copo alto e triturar com a varinha mágica.

Deitar em tacinhas e por cima ralar o chocolate negro. Guardar no frigorífico por umas horas.

Servir frio.

 

Qui | 09.05.19

à confiança

 

Tive um casal amigo em minha casa uns dias e como vinham de longe (ele Argentino, ela Brasileira) aproveitaram para visitar algumas cidades (Guimarães, Braga, Porto, Coimbra). Chegavam a casa tarde e derreados do passeio e do frio que fazia. E chegavam com fome 

Para não serem jantares pesados optava-se por sopa, queijo, pão e alguns extras, como estes ovos mexidos.

Os ovos nunca me deixam ficar mal.

 

Ovos mexidos com Cogumelos

 

IMG_20190430_210659.jpg

 

150 grs de cogumelos pleurotos

1 dente de alho

1 colher de sopa de azeite

4 ovos

Sal e pimenta q.b.

Salsa q.b.

 

Alourar o alho no azeite numa frigideira. Adicionar os cogumelos cortados em pedaços mais ou menos uniformes e saltear por cinco minutos. Juntar os ovos à frigideira e mexer. Temperar com sal e pimenta e retirar do lume logo que estejam ao gosto.

Polvilhar com salsa picada.

 

Qua | 08.05.19

Tesourinhos #7

 

Continuando com a minha busca pelos Tesourinhos do Blog, encontrei esta receita dos idos de 2015. Não é muito velha mas já nem eu me lembrava dela, imagine-se vocês…

É facílima de fazer e o sabor, só provado! Experimentem porque é das que vale mesmo a pena.

O original pode ser encontrado aqui.

 

Maçãs com Creme de Iogurte

 

18388958_wzHvZ.png

 

100 ml de iogurte natural (usei grego)

1 colher de sopa de manteiga de amêndoa (ou de amendoim)

1 colher de sopa de mel

1 maçã

 

Misturar o iogurte com a manteiga de amêndoa e o mel até ficar um creme macio.

Cortar uma maçã em fatias finas e servir com este creme.

 

Nota: a inspiração veio daqui

 

Ter | 07.05.19

milagre da multiplicação

 

Dois bifes de frango para três pessoas? Claro!

E ninguém passou fome 

 

Miso Ramen de Frango

 

53890972_575261409622425_341145691793391616_n.jpg

 

1 cebola

1 colher de sopa de óleo de amendoim

1 colher de sopa de óleo de sésamo

2 bifes de frango do campo em tirinhas

200 grs de cogumelos shiitake

6 espargos

100 grs de rebentos de soja

1 saqueta de Miso

250 ml de água a ferver

60 ml de molho de soja

Massa chinesa cozida q.b.

3 ovos

Microgreens

 

Num wok aquecer os óleos de amendoim e sésamo e alourar a cebola. Juntar o frango em tirinhas e saltear por dois minutos. Adicionar os cogumelos fatiados, os espargos em rodelas grossas e os rebentos de soja e deixar cozinhar por cinco minutos.

Entretanto fazer o molho Miso conforme instruções da embalagem com a água a ferver. Cozer também os ovos mas apenas por 6 minutos para ficarem com a gema ainda líquida.

Juntar a massa cozida ao wok e o molho miso juntamente com o molho de soja. Servir em pratos de sopa com os ovos cortados ao meio e salpicados com microgreens.

 

Nota: fotos de @tucasmartins

 

Seg | 06.05.19

Querido Sapo!!!

 

Capture1.PNG

 

Obrigada pelo destaque, não me canso de me admirar como é que no meio de milhares de coisas tão bonitas que existem nos blogues do SAPO  escolheram esta.

Fico feliz, feliz mesmo, pelo destaque!

Obrigada à equipa do Sapo (não mudem nunca para Príncipes)

 

E a Primavera que anda a fazer-se de esquisita, hein???

 

Só por causa das coisas vou comer destas para animar!

 

Bolinhas Energéticas de Noz

 

IMG_20190422_220100.jpg

        

20 tâmaras sem caroço

½ copo de nozes

½ copo de coco ralado

¼ de copo de manteiga de amendoim

1 colher de sopa de tahini

½ copo de amaranto tufado (ou quinoa tufada, ou arroz tufado)

25 grs de chocolate negro ralado

 

No copo da picadora triturar as tâmaras com as nozes e o coco ralado.

Adicionar os restantes ingredientes e misturar bem. Levar ao frigorífico para endurecer a massa.

Moldar bolinhas e passar por coco ralado.

Guardar no frio e consumir ao longo de duas ou três semanas.

 

Sex | 03.05.19

consultadoria à medida

 

Uma colega queixou-se de que a receita de pudim que tinha da Mãe não lhe saia bem, o pudim desfazia-se todo quando o desenformava.

Deu-me a receita e fiz tal e qual me indicou. A única diferença é que depois de arrefecer, guardei no frigorífico até ao dia seguinte.

Desenformou muito bem e de sabor ficou cinco estrelas, com um sabor bem forte a vinho do Porto.

Porque isto de ter um blogue de receitas também passa por ser consultora 

Sempre às ordens!

 

Pudim de Vinho do Porto e Laranja

 

IMG_20190421_131521.jpg

 

1 copo de ovos

1 copo de leite

1 copo de açúcar

1 laranja – raspa e sumo

1 cálice de vinho do Porto

Caramelo q.b.

 

Juntar todos os ingredientes numa taça (excepto o caramelo) e bater com a batedeira. Coar e deitar numa forma onde previamente se pôr o caramelo a toda a volta.

Levar ao lume a cozer em banho Maria por 50 minutos. Deixar arrefecer e depois colocar no frigorífico até ao dia seguinte.

Desenformar para um prato fundo.

 

Qui | 02.05.19

não tragas nada

 

Quando nos convidam para um almoço e dizem: ‘não é preciso trazer nada!’, mas não conseguimos estar quietos e pensamos que como quem lá vai estar é mais de salgados do que de doces, levamos só qualquer coisita…

Pois, essa sou eu, como não era para levar nada, levei esta tábua de queijos.

E já sabem, uma tábua de queijos nem sequer precisa de ser numa tábua e bastam dois ou três queijos diferentes e mais algumas coisas para enfeitar.

Como eramos bastantes ao almoço optei por pôr alguns queijos que tinha comprado numa feira e para preencher os espaços uns frutos secos, umas compotas e umas ervas e flores do jardim.

Como dizem que ‘os olhos também comem’ fica aqui a sugestão.

 

Tábua de Queijos

 

IMG_20190501_115516.jpg

 

Queijos variados (usei cabra, vaca e ovelha)

Tostas e bolachas integrais

Frutos secos (usei caju, pistacho e amêndoas tostadas)

Frutos desidratados (usei bagas Goji, amoras secas e tâmaras)

Compotas (usei de laranja, de figo e de tomate com malagueta)

Ervas aromáticas (usei salva, tomilho, alecrim, erva cidreira e borragem)

Fruta (usei morangos)

Flores (usei amores-perfeitos e sardinheiras)

 

Depois de tudo no lugar envolvi o tabuleiro com película aderente bem apertada e seguiu assim para o destino. Chegou lá direitinho.