Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Belita, a Rainha dos Couratos

Belita, a Rainha dos Couratos

Dom | 19.04.09

jeitos...

A foto não faz jus ao pudim, o que é certo é que eu nunca disse que tinha jeito para fotografar... bem vistas as coisas, jeito mesmo tenho para comer

Pudim de Leite

 

 

6 ovos

2 colheres de sopa de açúcar por ovo

750 ml de leite

raspa de uma laranja

1 colher de chá de canela ou 1/2 cálice de vinho do Porto

 

Para o caramelo

200 grs açúcar

 

Num tachinho deixa-se queimar o açúcar até estar em ponto de caramelo. Põe-se o caramelo na forma do pudim de modo a que as paredes da forma fiquem cobertas.

 

Numa taça batem-se os ovos com o açúcar e a raspa da laranja, junta-se o leite e bate-se bem. Por fim adiciona-se a canela ou o vinho do Porto e verte-se para a forma. A forma deve ser colocada num tabuleiro com água a ferver até meio da altura do tabuleiro. Vai a cozer em forno bem quente por uma hora em temperatura máxima. Deixa-se arrefecer e desenforma-se para um prato fundo.

Qua | 15.04.09

poupança #1

 

Numa altura em que as mais variadas instituições estão preocupadas com o custo do que se come, visto que está tudo tão caro, resolvi tentar algumas receitas pelo baratucho e comecei com esta que aqui deixo. Atenção que o facto de ficar muito barato não lhe tira qualquer qualidade, quer em termos de nutrição quer em termos de sabor. Comecei pelo atum, que é algo que adoro e não me importo de comer vezes sem fim.
 
A Ficha Técnica é um instrumento usado pelos restaurantes e hoteis para ver o custo efectivo de cada dose e o lucro que existe quando é vendida ao cliente. Foi o que usei para verificar os custos (retirei a parte dos rácios e lucros que aqui não era importante):
 
Ficha Técnica - Arroz de Atum
 
N.º Pax
2
 
 
 
Unid. Medida
Quant.
Produto
 € Unitário
€ Total
kg
0,20
Arroz Carolino
0,69 €
0,14 €
lata
1,00
Atum
0,51 €
0,51 €
kg
0,10
Cebola
0,70 €
0,07 €
Kg
0,06
Tomate
1,45 €
0,09 €
dl
0,10
azeite
3,00 €
0,30 €
 
qb
sal
 
 
 
qb
pimenta
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 Total
1,11 €
 
 
Desperdicios
10%
0,11 €
 
 
OutrosCustos
20%
0,22 €
 
 
Total por pessoa
 
0,72 €
 
 
 
No total ficamos com 1,11€ por duas doses. A isto acrescentamos os custos dos desperdícios e outros custos. Os desperdícios são as cascas, etc. Os outros custos são uma estimativa de custos associados, ou seja, o gás, a água, esse tipo de coisas. Somando isto tudo, ficamos com o custo de cada refeição por 0,72€. Ainda pode ficar mais barato, dependendo das marcas. O azeite pode ser encontrado mais barato do que o que usei e numa pesquisa rápida no continente online descobri que o arroz e o atum estão mais baratos lá do que os que comprei.
 

E agora a receita:

 

Num tacho aloura-se a cebola no azeite. Junta-se o arroz e mexe-se bem sem deixar pegar. Junta-se a água (4 vezes o volume do arroz) a ferver e tempera-se de sal, pouco porque o atum já é salgado. Quase no fim da cozedura adiciona-se o atum escorrido e mexe-se. Deve ficar malandrinho. Pode-se adicionar uma haste de salsa ou coentros apenas para libertar sabor.

 



 

Ter | 07.04.09

ervas

Das aromáticas. Algumas das que uso ou que apenas enfeitam o jardim...

(a arruda é para o mau olhado, so they say...)

 

     

  tomilho                            cebolinho                         hortelã 

   

  salva                                funcho                             tomilho cinzento                        

   

  hortelã-pimenta                nêveda                           arruda

  

 

Ter | 07.04.09

camarões e cerveja

Sim, sabemos que vão muito bem juntos, mas esta é mesmo uma receita em que os dois são ingredientes.

 

Camarões com Cerveja no Forno

 

1 kg de camarões (vá lá, grandinhos...)

alhos picados

piri-piri

sal

1 cerveja branca

50 gr manteiga

 

Num tabuleiro colocam-se os alhos (a quantidade é mesmo a gosto mas para esta receita são aí uns 8 dentes à vontade) e os camarões. Aconselho o corte das barbichas previamente. Temperam-se de sal a gosto e piri-piri. Por cima despeja-se a cerveja e põe-se a manteiga aos cubinhos de onde em onde. Vai ao forno bem quente cerca de 20 minutos. A meio do tempo podem-se virar.

 

Servir acompanhado de maionese e cerveja bem fresca. Para mim pode ser uma Stout, se faz favor...

 

Dom | 05.04.09

tarta, tarte

Sobremesa rápida e fácil de fazer. Uma 'tarta de queso' espanhola. Esta ficou bem mas ainda muito longe daquela que é servida no restaurante 'O Cabalo Furado (o vello)' em Tui (Galiza) e que é sem dúvida a melhor tarte de queijo que já comi (e não foram poucas, segundo a minha balança). Pena é que eles não dão a receita...

 

Tarte de Queijo

 

 

1 pacote de queijo *

3 iogurtes naturais

3 ovos

3 colheres de sopa de farinha com fermento

10 colheres de sopa de açúcar

umas gotas de extracto de baunilha (opcional)

 

Misturar primeiro o açúcar com a farinha para não ficar com grumos. Depois juntam-se os restantes ingredientes e bate-se na batedeira ou à mão cerca de 5 minutos até ficar lisinho e deita-se numa forma de tarte untada. Atenção que não pode ser de fundo falso ou lá se vai a tarte...

Leva-se ao forno cerca de 20 a 25 minutos. Deixa-se arrefercer e serve-se. Para quem apreciar, pode ser servido com molho de frutos silvestres. Prefiro ao natural.

 

* (tipo Philadelphia mas usei do Minipreço)

Sab | 04.04.09

a despachar

Estava a pensar nas quiches/tartes salgadas que faço. São quase sempre a olho e depois, quando penso em colocar aqui a receita penso sempre que vai dar uma trabalheira pensar numa receita que confira com a da foto. Ao invés do trabalho que dá a fazer, que é como se costuma dizer, em duas penadas, enquanto está uma sopa ao lume e qualquer outra coisa, talvez um bolo, na imaginação e para aproveitar o calor do forno.

 

Esta é de cogumelos. Nada de coisa fina, foram mesmo cogumelos congelados, o que havia à mão e que desse para aproveitar uma base de tarte, já a gritar a data de fim de validade em altos berros...

 

Quiche de Cogumelos

 

 

1 base de tarte de massa quebrada

300 gr de cogumelos

3 dentes de alho picados

1 cebola picada

azeite

4 ovos

meio pacote de natas e outro tanto de leite

sal

pimenta

 

Numa frigideira alouram-se a cebola e os alhos em azeite. Acrescentam-se os cogumelos e deixa-se refogar um bocadinho. Escorre-se o líquido em excesso e deitam-se os cogumelos na base da tarte. Por cima deita-se a mistura dos ovos, natas, leite e temperos, bem batidos. Para enriquecer podem-se salpicar umas amêndoas laminadas. Vai ao forno cerca de 30 minutos e serve-se com uma salada para prato principal ligeiro (pfff... quem me conhece sabe que isto é só para parecer bem ) ou então come-se mesmo à gulosa, com uma cerveja fresquinha ou uma taça de vinho a acompanhar.