Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Belita, a Rainha dos Couratos

Belita, a Rainha dos Couratos

Dom | 23.11.08

capuchinhas

Estas plantas, também conhecidas por chagas, são excelentes para usar em saladas ou mesmo em sanduiches. Além de serem muito fáceis de cultivar, quando florescem dão muita cor ao jardim. As flores também podem ser utilizadas para abrilhantar uma smples salada.

 

Dom | 23.11.08

nogões

São nozes muito grandes. Para terem uma ideia, coloquei uma noz de tamanho normal ao pé de um nogão. Vejam a diferença. Estes nogões têm mais óleo do que as nozes normais e são muito saborosos. Deram-mos ontem.

 

Sex | 14.11.08

receitas que dão que falar...

No outro dia estive encarregada de levar uma sobremesa para um encontro e, depois de muitas indecisões, optei por levar:

 

Brownies com Gelado e Molho de Chocolate

200grs. de margarina derretida

60 grs. de chocolate semi amargo

4 ovos

2 copos de açucar

2 colheres de chá de extracto de baunilha

um copo e meio de farinha com fermento

3/4 copo de cacau em pó

Pôr o forno a aquecer e untar um tabuleiro.
Num tacho, ou no micro-ondas, derreter a manteiga e o chocolate, atenção! não deixar ferver, é só para derreter. Juntar os ovos, açucar e baunilha e mexer bem. Adicionar a farinha e o cacau em pó. Deitar a massa no tabuleiro e levar ao forno por cerca de 20 minutos. Testar com um palito e se não estiver cozido, deixar mais 5 minutos. Retirar do forno e deixar arrefecer. Virar para uma tábua de cozinha e cortar aos quadrados.

 

Esta receita deu 25 quadrados e para apresentar a sobremesa coloquei em cada prato 2 quadrados de brownie, 1 bola de gelado (a minha opção é gelado de nozes mas como não havia, foi gelado de natas) e por cima molho de chocolate, feito com duas tabletes de chocolate preto (do pingo doce) e um pacote de natas light (só para dar uma certa ironia à coisa :-) )

 

 

 

 

 

 

Seg | 10.11.08

perishable thoughts...

Apesar de actualmente as batatas serem muito populares entre os europeus, tempos houve em que eram uma novidade e olhadas até com suspeição por alguns protestantes na Escócia e Irlanda por não virem mencionadas na Bíblia. Os católicos foram rápidos a ultrapassar a situação ao aspergirem as sementes que íam para a terra com água benta...

 

Considerem isto como aquela informação de que não sentiam a mínima falta mas que por ficarem a saber também não vem mal ao mundo...

Ter | 04.11.08

à italiana

Mesmo para quem não tem muito tempo para cozinhar, fazer almôndegas não é assim tão demorado. Estas, mesmo à Italiana, levaram:

 

Almôndegas

 

600 gr. de carne picada (mistura de vaca, porco e peru)

1 ovo

1 cebola picada

4 dentes de alho picados

1 raminho de salsa picada

1 colher de sopa de coentros picados

1 colher de sopa de basílico picado

1/2 copo de pão ralado

3 colheres de sopa de água

 

Misturar todos os ingredientes, moldar em bolas do tamanho de nozes e alourar numa frigideira com um pouquinho de azeite. A ideia é só alourarem, não precisam de cozinhar porque ainda vão acabar de cozinhar no molho de tomate.

 

Molho Marinara

 

azeite q.b.

2 cebolas picadas

2 dentes de alho picados

1 talo de aipo picado

2 cenouras raladas

1 folha de louro

sal e pimenta q.b.

1 lata grande de tomates pelados

 

Num tacho alourar a cebola no azeite, misturar alhos, aipo, cenouras e folha de louro. Deixar refogar um pouco. Adicionar os tomates cortados em bocados e o molho que está na lata, temperar de sal e pimenta e deixar ferver. Juntar as almôndegas a este molho e deixar apurar em lume brando, cerca de 20 a 30 minutos.

 

 

Servir com massa cozida, pão estaladiço e um bom vinho tinto, para quem apreciar.