Segunda-feira, 13 de Fevereiro de 2017

ainda a fruta da época

 

Às vezes é preciso outros lembrarem-nos de coisas que conhecíamos e que entretanto foram desaparecendo da nossa memória.

Foi o que aconteceu com esta publicação do blogue Wonderworld, onde se falava numa sopa encontrada noutro blogue, que eu dantes seguia assiduamente e que depois, vá-se lá saber porquê, desapareceu do meu radar. Voltou e para comemorar fiz a sopa.

Com fruta da época!

 

Sopa de Cenoura e Gengibre

 

download.png

 

3 colheres de sopa de azeite

1 cebola roxa picada

2 dentes de alho picados

1 pedaço de gengibre, ralado

Raspa de 2 laranjas

6 cenouras

1 batata-doce

1 litro de água a ferver ou caldo de vegetais

Sal e pimenta q.b.

Sumo de ½ laranja

Coentros picados

 

Numa panela aquece-se o azeite e salteia-se a cebola e o alho picados. Adicionam-se o gengibre e a raspa das laranjas, mexe-se e juntam-se as cenouras, a batata-doce, a água a ferver e tempera-se com sal e pimenta a gosto. Deixa-se levantar fervura, baixa-se o lume e coze por 20 a 30 minutos. Passa-se com a varinha mágica, adiciona-se o sumo de laranja e serve-se salpicado com coentros picados.

 

Nota: a receita original leva oito cenouras, substitui duas por uma batata-doce, porque me apeteceu

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Segunda-feira, 9 de Novembro de 2015

conforto imediato

Esta sopa é feita quase exclusivamente com ingredientes que crescem debaixo da terra. Uma maravilha!

 

Creme de Cenoura, Batata-Doce e Gengibre

 

download (1).png

 

1 cebola média cortada em quartos

4 cenouras grandes

1 batata-doce grande

4 batatas médias

1 pedaço de gengibre descascado

Azeite q.b.

Sal q.b.

Coentros picados (opcional)

 

Pôr um fundo de azeite numa panela e alourar ligeiramente a cebola. Adicionar os restantes ingredientes descascados e cortados em pedaços e o gengibre. Mexer bem e juntar um litro de água a ferver. Temperar de sal a gosto e deixar ferver por uns vinte minutos.

Retirar o bocado de gengibre e passar a sopa com a varinha mágica até estar cremoso. Quando parecer que já está, insistimos com a varinha mágica mais uns dois ou três minutos de modo a que fique um creme tipo veludo e sem qualquer grumo à vista.

Servir com coentros picados.

 

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (4) | favorito
|
Sexta-feira, 23 de Maio de 2014

bolo, que o tempo ainda apetece forno...

Encontrei esta receita em tempos e agora não consigo descobrir em que sítio foi. As minhas desculpas ao dono.

É mesmo boa, não muito doce e acaba por ser também útil para aqueles que não podem consumir ovos porque este bolo não leva ovos.

 

Bolo de Gengibre e Chocolate

 

 

1 e ½ copos de farinha de trigo integral

2 colheres de sopa de cacau em pó

1 colher de chá de gengibre em pó

1 colher de chá de canela em pó

1 pitada de cravinho em pó

¼ de copo de óleo de girassol

1 copo de água

½ copo de açúcar

1 pitada de sal

1 colher de sopa de mel

1 e ½ colheres de sopa de vinagre

2 colheres de sopa de leite

 

Numa taça misturar os ingredientes secos incluindo as especiarias e o mel. Fazer dois buracos nesta mistura e num deitar o vinagre e noutro o leite. Por cima deita-se a água e mexe-se tudo com um garfo para envolver bem os ingredientes e ficar uma massa homogénea.

Deitar em formas untadas (usei quatro das pequenas) e levar ao forno - cerca de 180ºC – por volta de 30 minutos. Se usar apenas uma forma grande, leva uns 50 minutos a cozer.

Verificar com um palito e retirar do forno. Deixar arrefecer nas formas por uns dez minutos e depois desenformar.

 

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 14:05
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (1) | favorito
|
Segunda-feira, 4 de Novembro de 2013

xaropada boa

Gosto de ler as deambulações do David Lebovitz por Paris. E gosto ainda mais de algumas das suas receitas, simples e eficazes.

Esta é uma delas e vem mesmo a calhar nesta fase de pré constipações, gripes, resfriados e afins. O gengibre é, como se sabe (ou não, mas fica-se a saber) um poderoso anti-inflamatório pelo que podem usar e abusar dele em qualquer forma quando o pingo chega ao nariz…

 

Xarope de Gengibre

 

 

100 grs de gengibre fresco

2 copos de água

1 copo de açúcar

 

Cortar o gengibre em rodelas e novamente em bocados mais pequenos.

Misturar numa caçarola com a água e o açúcar e levar ao lume até ferver. Baixar o lume para o mínimo e deixar cozer por 45 minutos.

Coar a mistura e guardar no frigorífico.

 

Para usar pode-se adicionar a qualquer chá (duas ou três colheradas), juntar com água tónica, fazer cocktails, pôr sobre uma salada de frutas, juntar a um batido, etc.

O gengibre escorrido pode ser comido assim ou picado e adicionado a bolos, biscoitos e compotas.

 

Nota: o gengibre também é conhecido por ser excelente na diminuição de dores musculares, náuseas, dores de barriga, flatulência e por ser afrodisíaco.

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Sexta-feira, 1 de Fevereiro de 2013

a crush on ginger...

Esta receita é neozelandesa e foi-me dada por uma amiga de lá. Diz que é tão popular por aqueles lados como por cá é por exemplo o pão de ló.

Toda a gente tem a sua receita. Esta é a da Ann.

 

Fatias de Gengibre (Ginger Crush) 

 

 

Base:

125 grs de manteiga

100 grs de açúcar

225 grs de farinha

1 colher de chá de fermento em pó

1 e ½ colheres de chá de gengibre em pó

 

Cobertura:

75 grs de manteiga

2 colheres de sopa de Golden Syrup (ou mel)

80 grs de açúcar em pó

1 colher de sopa de gengibre em pó

 

Aquecer o forno. Untar uma forma de tarte. Reservar.

Para a base: Bater a manteiga com o açúcar até ficar cremoso, em seguida misturar a farinha, o fermento e o gengibre e mexer até formar uma bola de massa. Se necessário molhar as mãos para amassar.

Espalhar a massa na tarteira com as mão (é mais fácil do que com o rolo, esta massa trabalha-se bem sem pegar, apesar de mole). Levar ao forno por 20 minutos, até estar dourada.

Entretanto faz-se a cobertura. Numa caçarola derrete-se a manteiga, o golden syrup (ou mel) e logo que derretidos junta-se o gengibre.

Quando a base da tarte estiver cozida, retira-se do forno e enche-se com a cobertura. Deixar arrefecer até estar morno, retirar da tarteira e cortar em fatias.

 

Notas: usei manteiga meio sal; o Golden Syrup pode ser encontrado em alguns hipermercados ou El Corte Inglês

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Sexta-feira, 23 de Novembro de 2012

oh não, outra vez!!!

Pois, nem sei que dizer. Mais biscoitos…

Para que conste, eu faço muitos biscoitos porque adoro.

Fazê-los e comê-los!!!

Por outro lado, não compro qualquer tipo de bolachas, excepto as de água e sal.

São escolhas, cada um faz as suas {#emotions_dlg.sarcastic}

 

Biscoitos de Melaço 

 

 

2 copos de farinha

2 colheres de chá de bicarbonato de sódio

½ colher de chá de sal

1 colher de chá de canela em pó

1 colher de chá de gengibre em pó

1 pitada de noz-moscada

150 grs de manteiga amolecida

1 copo de açúcar amarelo

1 ovo

¼ de copo de melaço

Açúcar mascavado para enrolar os biscoitos

 

Misturar a farinha com o bicarbonato, o sal, a canela, o gengibre e a noz-moscada. Reservar.

Numa taça bater a manteiga com o açúcar e o ovo. Juntar o melaço.

Adicionar a mistura da farinha e envolver bem. Guardar a massa por uma hora no frigorífico.

Aquecer o forno.

Fazer bolinhas com a massa, rolar no açúcar e espalmar. Pôr num tabuleiro forrado com papel de ir ao forno e levar ao forno por 8 a 10 minutos. Retirar do forno e deixar arrefecer

 

Nota: usei margarina Becel cozinha em vez da manteiga

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Terça-feira, 30 de Outubro de 2012

oh gengibre!

Ofereceram-me um livro com 500 receitas de biscoitos, bolachas, bolos, barrinhas, etc.

Como tinha que começar por alguma delas escolhi esta, de biscoitos de gengibre, que depois dos de aveia são os meus favoritos. Ou antes, não tenho bem a certeza… o melhor é fazer mais dos dois e tirar teimas…

 

Biscoitos de Gengibre

  

 

115 grs de manteiga

115 grs de açúcar

115 gr de Golden Syrup

275 grs de farinha

2 colheres de chá de gengibre em pó

1 colher de chá de bicarbonato de sódio

 

Numa caçarola derrete-se a manteiga com o açúcar e o golden syrup até dissolver tudo. Deixa-se arrefecer ligeiramente. Adiciona-se a farinha, gengibre e bicarbonato ao líquido e mexe-se bem.

Moldam-se biscoitos com as mãos e levam-se ao forno em tabuleiro forrado com papel vegetal. Cozem de 12 a 15 minutos num forno a 180ºC.

 

Nota: O Golden Syrup é um produto que se obtém na refinação da cana de açúcar. Embora de sabor muito distinto, pode ser substituído por mel nas receitas pois a sua textura é idêntica.

Há à venda em supermercados como o Jumbo ou o Supercor.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Terça-feira, 10 de Maio de 2011

outros ingredientes

 

De vez em quando dou uma volta à despensa e lá descubro alguns ingredientes que andavam esquecidos. Neste caso uma embalagem de folhas secas de lima kaffir, que me trouxeram de Inglaterra.

A lima kaffir é originária do sudoeste asiático. É uma fruta da família dos citrinos e muito parecida com a lima normal embora com casca rugosa e quase sem sumo. As folhas e a casca são muito usadas nas cozinhas tailandesa, indonésia, do Laos, Cambodja, etc.

As folhas podem ser usadas secas ou frescas e são duplas, uma mais pequena, outra maior.

 

Frango com Alho e Gengibre

 

 

4 dentes de alho picados

1 dedo de gengibre cortado em rodelas finas

4 colheres de sopa de azeite

½ copo de vinho

½ copo de água

3 folhas secas de lima kaffir

2 pernas e coxas de frango

Sal

Pimenta

 

Colocar tudo cru num tacho, pela ordem indicada. Vai a lume muito brando por 40 minutos.

Serve-se com cuscuz e uma salada.

 

Nota: as folhas de lima kaffir podem ser substituídas por meia folha de louro

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Segunda-feira, 21 de Fevereiro de 2011

do melhor...

Simples de fazer e no entanto com um sabor que não fica a dever nada a pratos bem mais elaborados.

 

 Camarões com Gengibre e Lima

 

(para duas pessoas)

 

Marinada:

1 pedaço de gengibre ralado

1 colher de sopa de azeite

sumo de uma lima

raspa de uma lima

2 colheres de sopa de molho de soja

250 grs de camarão descascado

 

1 colher de sopa de óleo de sésamo

1 colher de sopa de azeite

1 dente de alho grande esmagado

 

Esparguete cozido q.b.

 

Numa taça misturam-se os ingredientes da marinada. Deixam-se ganhar gosto por uma hora, pelo menos, mas pode estar mais tempo.

Aquecer o óleo de sésamo e o azeite num wok ou numa frigideira. Juntar o dente de alho e fritar sem deixar queimar.

Adicionar os camarões (escorrer ligeiramente a marinada) e fritar, este passo é rápido já que bastam 4 ou 5 minutos para que os camarões fiquem cozinhados. Junta-se a massa cozida, vai bem com esparguete ou com massa chinesa. Envolve-se bem e serve-se.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (1) | favorito
|
Sexta-feira, 11 de Fevereiro de 2011

self-sauce...

Tenho andado vidrada em pudins com 'auto-molho'

Estes então, são sem palavras!!!

 

Pudins de Gengibre

 

 

100 grs de manteiga

1 colher de sopa de gengibre fresco ralado

200 grs de açúcar amarelo

2 ovos

100 grs de farinha

1 copo de água a ferver

 

Aquecer o forno a 180ºC.

Derreter a manteiga numa caçarola. Retirar do lume e adicionar o gengibre ralado e metade do açúcar amarelo (100 grs).

Adicionar os ovos, um de cada vez, mexendo bem.

Juntar a farinha sem mexer muito.

Dividir a massa por formas individuais (ramequins ou outras).

Numa taça juntar o açúcar amarelo que resta (100 grs) com a água a ferver.

Deitar sobre a massa que está nas formas e levar ao forno num tabuleiro com água a ferver.

Deixar cozer por 25 a 30 minutos. Por volta dos 20 minutos de cozedura convém começar a verificar se os pudins já estão cozidos. Não se deve deixar cozer demais pois a parte de baixo tem que ficar em molho.

 

Notas:

Para quem gostar de um sabor mais forte a gengibre (EU!!!) pode-se juntar ao açúcar e à água a ferver mais uma colher de gengibre, neste caso em pó. Juntei uma colher de chá.

Ultimamente tenho usado Becel Cozinha nos meus cozinhados e não noto diferença (talvez menos sal, o que até é bom)

Receita daqui. Podem fazer download gratis do e-livro de receitas '5 ingredients Simple Baking'.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (1) | favorito
|
Sexta-feira, 10 de Dezembro de 2010

bem estaladiços

Sou fã de biscoitos de gengibre. Mesmo!

Seja daqueles com feitio ou dos que ficam umas bolachinhas redondas, gosto mesmo do ligeiro picante que o gengibre dá.

Esta receita é mais uma que experimentei e parece que vai ficar aquela!!!

 

Biscoitos de Melaço e Gengibre

 

 

150 grs de margarina amolecida

1 copo de açúcar amarelo

¼ de copo de melaço de cana

1 ovo

2 copos de farinha

2 colheres de chá de bicarbonato de sódio

1 colher de chá de canela em pó

1 colher de chá de gengibre em pó

Açúcar demerara q.b.

 

Misturar a margarina com o açúcar, o melaço e o ovo e mexer bem. Adicionar a farinha (usei 1 e ½ copos de farinha normal e ½ copo de farinha integral), o bicarbonato, a canela e o gengibre. Fica uma massa compacta. Levar ao frigorífico para endurecer um bocado a massa e ser mais fácil de moldar os biscoitos.

Quando pronto para cozer, retiram-se bocados de massa do tamanho de nozes pequenas e rolam-se nos cristais do açúcar. Espalmam-se com as mãos ou com o fundo de um copo e põem-se num tabuleiro forrado com papel de ir ao forno.

Levam-se a cozer em forno quente por cerca de 8 a 10 minutos, quanto mais tempo estiverem no forno mais estaladiços ficam.

Deixar arrefecer numa rede.

Esta receita deu 50 biscoitos.

 

Nota: A caixinha é uma embalagem de margarina que foi reciclada com papel autocolante!

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 12:45
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (1) | favorito
|
Terça-feira, 15 de Junho de 2010

experiências

Gosto muito de usar gengibre nos meus cozinhados. Li algures que produz muito bem em casa e decidi experimentar.

De uma das raizes que comprei, retirei uma ponta que estava já a criar um brotozinho. Coloquei num vaso e em cerca de 15 dias ficou com cerca de 30 cms.

Agora já está maior, até tenho que mudar o vaso pois não tem muito espaço livre.

 

 

 

p.s. não liguem ao tomateiro que apareceu no vaso sem ser 'convidado'...

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:30
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (1) | favorito
|
Quarta-feira, 10 de Março de 2010

Ginger sem Fred

Enquanto o tempo frio permite faço uso do forno em pleno, embora seja conhecida por até em pleno verão o acender. Estas belezuras foram a mais recente experiência.

Antigamente achava que fazer bolachas ou biscoitos devia dar uma trabalheira daquelas. Bom, alguns até dão mas não é isso que me vai demover, e neste caso não há nada mais facil de fazer, são excelentes e deixam as papilas gustativas completamente atordoadas por causa do gengibre. Mas é um atordoado bom

 

Biscoitos de Gengibre

 

 

100 grs de manteiga

20 grs de mel

175 grs de açúcar amarelo

300 grs de farinha

2 colheres de chá de fermento em pó

1 colher de chá de bicarbonato de sódio

3 colheres de chá de gengibre em pó

1 ovo batido

 

Aquecer o forno e colocar uma folha de papel de ir ao forno no fundo de um tabuleiro.

Numa caçarola derrete-se a manteiga (usei margarina), o açúcar e o mel. Mistura-se e deixa-se arrefecer ligeiramente.

Numa taça mistura-se a farinha, fermento, bicarbonato e gengibre. Deita-se sobre estes ingredientes a mistura da manteiga e mexe-se. Adiciona-se o ovo batido e volta-se a mexer bem.

Moldam-se bolinhas do tamanho de nozes pequenas. Colocam-se no tabuleiro ligeiramente afastadas. Se quisermos, podemos pressionar com um garfo para ficar com feitio. Levam-se ao forno por cerca de 10 a 15 minutos, até alourarem. Retiram-se para uma rede para arrefecer. No início estarão moles mas à medida que arrefecem ficam rijinhos. Colocam-se os restantes no tabuleiro para levar ao forno. Esta receita deu para 45 biscoitos, 3 tabuleiros.

 

Receita trazida daqui.

 

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (1) | favorito
|

mais sobre mim


ver perfil

seguir perfil

. 87 seguidores

cuscar

quantos são? quantos são?

HTML Hit Counter
pc computer components

digam qualquer coisa

coolinaria@sapo.pt

A Belita no Facebook!

My taste

mytaste.pt

armazém de receitas

tags

todas as tags

os meus livros de receitas, alguns...

blogs SAPO

subscrever feeds