Quinta-feira, 13 de Agosto de 2015

no talho

 

Quando vou ao talho da praça e peço febras, costumo dizer sempre que são para panar que é para escolherem as fininhas e mais bem cortadas. Se não disser nada mandam-me umas trancas de carne que depois nem sei bem para que servem…

Da última vez lá pedi as febras e recomendei que eram para panar. Escolheram umas tão direitinhas que em casa achei que tinha que fazer jus ao pedido e optei por fazer uns panados, embora não seja muito costume fazer fritos do género.

Mas de vez em quando lá calha e desta vez calhou mesmo bem!

 

Febras Panadas com Salva

 

IMG_4578.JPG

 

4 febras de porco pequenas

1 raminho de salva

1 colher de chá de piripiri

Sumo de limão q.b.

Sal q.b.

Pão de centeio seco para ralar

1 colher de sopa de sementes de linhaça raladas (opcional)

1 ovo

Óleo de girassol para fritar

 

Temperar as febras com o piripiri, o sal, o sumo de limão e a salva picada.

Ralar o pão seco num moinho de café (em alternativa usar pão ralado de compra mas garanto que o pão ralado em casa faz toda a diferença!). Adicionar ao pão as sementes de linhaça raladas.

Bater o ovo e passar as febras no ovo e seguidamente no pão ralado.

Aquecer o óleo numa frigideira e fritar os panados em lume brando (para não esturricar o pão ralado mas fritar bem a carne por dentro).

Escorrer em papel de cozinha e servir com mais limão.

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (2) | favorito
|
Quinta-feira, 6 de Novembro de 2014

olha a febra!

Uma receita muito fácil de fazer e muito, muito boa. Esta foi-me dada por uma colega e já andava há muito para ser testada. Agora que foi, vai ser repetente na minha cozinha.

É uma maravilha, seja para o petisco seja para uma refeição.

 

Febras no Tacho (ou à moda do Porto)

 

IMG_3744.JPG

500 grs de febras de porco cortadas muito fininhas

Sal q.b.

1 dl de azeite

1 colher de chá de azeite picante ou piripiri

5 dentes de alho

1 colher de sopa de colorau

Pimenta moída na altura

1 folha de louro

2 dl de vinho branco

1 cerveja mini branca

4 colheres de sopa de whiskey

2 colheres de sopa de vinho do Porto

2 colheres de sopa de Molho Inglês

1 limão pequeno

 

Temperar as febras com sal.

Num tacho põe-se o azeite, o piripiri, o alho picado, o colorau, a pimenta e o louro. Leva-se ao lume a fritar ligeiramente para libertar o sabor do alho. Junta-se o vinho, a cerveja, o whiskey, o vinho do Porto e o Molho Inglês e deixa-se levantar fervura. Põem-se as febras no tacho e envolvem-se no molho. Espreme-se meio limão sobre a carne e a outra metade vai para dentro do tacho.

Deixa-se cozinhar por cerca de uma hora, até as febras estarem bem tenrinhas. Verificar o molho, em princípio não é preciso acrescentar mas se for que seja vinho ou cerveja para que o molho fique apurado!

Se for para servir à moda do Porto, é dentro de pão e com molho. Se for para uma refeição, pode servir-se com puré de batata, ou arroz, ou batatas fritas. E uma salada a acompanhar.

 

Nota: as febras podem ser cortadas em tiras fininhas

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (4) | favorito
|
Quinta-feira, 12 de Junho de 2014

é hoje?

Agora que vai estar quase tudo colado às televisões a ver jogos e mais jogos do mundial do Brasil, são bem vindas as sugestões para comer bem sem passar horas ao fogão. E comidas portáteis que se levam para a frente do televisor sem perder pitada.

Eu dispenso os jogos mas não dispenso comer coisas boas {#emotions_dlg.blink}

 

Sandochas

 

 

2 febras de porco cortadas em tirinhas

1 pitada de sal

2 dentes de alho

2 colheres de sopa de Molho Inglês

1 colher de chá de orégãos

Piripiri q.b.

Azeite q.b.

 

Saltear as tirinhas de febra temperadas com sal no azeite com alho picado, piripiri e molho inglês, até estarem bem fritas e sequinhas. Polvilhar com os orégãos e reservar.

Tostar fatias de pão de centeio e pôr uma camada de alface, as tirinhas de febra, cebola em rodelas finas e por cima de tudo uma mistura de maionese com mostarda.

 

Notas:

Pode ser feito com tirinhas de frango ou peru.

Pode usar-se pão pita em vez de pão de centeio.

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Quinta-feira, 6 de Junho de 2013

rolinhos

Para variar das febras grelhadas, aqui está uma solução bem fácil e pouco dispendiosa mas que faz uma excelente apresentação à mesa (se ao menos eu soubesse tirar fotografias de jeito...)

 

Febras Enroladas

 

 

 

2 febras grandes e finas

Sal, pimenta e sumo de limão

4 fatias de fiambre de frango

4 fatias de queijo (usei Gouda mas pode ser outro qualquer)

4 colheres de sopa de azeite

2 colheres de sopa de margarina líquida

 

Temperar as febras com sal, pimenta e sumo de limão. Deixar repousar por cerca de meia hora.

Estender a febras e rechear cada uma com duas fatias de fiambre e duas fatias de queijo. Enrolar e atar com um fio ou prender com palitos.

Levar ao lume o azeite e a margarina numa frigideira até aquecer e fritar os rolos tendo o cuidado de virar frequentemente para fritar por todo. Depois de alourar inicialmente pode-se tapar a frigideira com um anti salpicos. Frita por 20 minutos até a carne estar bem cozinhada.

Retirar o fio e servir com arroz ou batatas fritas e uma salada.

 

Nota: usei fio dental para atar os rolinhos

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Quinta-feira, 18 de Abril de 2013

mais uma caldeirada...

As caldeiradas são normalmente associadas a peixe, muita variedade de peixe. No entanto, podem ser feitas com outros produtos até porque são fáceis de preparar e depois ficam lá no fogão, a apurar. Esta foi de carne.

 

Caldeirada de Febras 

 

 

1 cebola cortada em rodelas

2 dentes de alhos cortados em rodelas

2 tomates cortados em rodelas (podem ser congelados)

1 malagueta

½ folha de louro

1 raminho de salsa

4 febras de porco finas

6 batatas cortadas em rodelas grossas

Sal q.b.

Vinho branco q.b.

Azeite q.b.

 

Colocar os ingredientes num tacho na ordem apresentada.

Levar ao lume até levantar fervura e depois baixar o lume e deixar fervilhar até tudo estar bem cozido, cerca de 35 a 40 minutos.

Não mexer, se necessário abana-se o tacho.

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (1) | favorito
|
Quinta-feira, 22 de Março de 2012

costeletas

Uma amiga disse-me que costuma fazer esta receita quando precisa de ‘esquecer’ o que está ao lume enquanto trata de outras coisas.

Decidi experimentar tal e qual como ela disse que fazia e realmente fica muito saboroso. E deixou o tempo livre para outros afazeres.

 

Costeletas  com Mostrada

 

 

4 costeletas

1 cebola picada

2 dentes de alho picados

1 raminho de salsa

½ copo de vinho

½ copo de água

2 colheres de sopa cheias de mostarda

Sal

Pimenta

 

Num tacho põe-se a cebola, os alhos, as costeletas e a salsa.

Por cima põe-se a mistura de vinho, água e mostarda e temperos.

Leva-se ao lume até ferver e depois baixa-se o lume e deixa-se cozer por 30 minutos. Verificar o molho para que não evapore.

Servir com massa cozida e grelos salteados.

 

Nota: as costeletas que tinha foram congeladas para o tacho.

Pode ser feito com febras.

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:15
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Terça-feira, 17 de Janeiro de 2012

variação de tempero

Para variar o tempero que costumo pôr nas febras, que por norma é limão, desta vez usei laranja e ficou muito saboroso.

 

Febras com Laranja 

 

 

2 febras de porco

Sal q.b.

2 dentes de alho

1 malagueta

½ folha de louro

Sumo de uma laranja grande

Azeite

Pingue

 

Temperar as febras com o sal, a malagueta picada, os alhos cortados em palitos, a folha de louro e o sumo da laranja. Deixar repousar por uma hora.

Numa frigideira aquece-se o azeite e mistura-se uma colher de sopa de pingue.

Fritam-se as bifanas e a meio junta-se o molho da marinada, deixa-se fervilhar até reduzir um pouco o volume e serve-se com arroz de alho e legumes salteados.

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:15
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Quarta-feira, 24 de Março de 2010

ah febras...

As febras de porco podem servir para fazer uma coisa maravilhosa.

Isto:

 

Tirinhas de Febras Crocantes

(receita para duas pessoas)

 

 

 

2 febras de porco

sumo de uma lima

1 colher de chá de orégãos

sal

1 copo de farinha

1 copo de cornflakes (sem açúcar)

1 colher de sopa de sementes de linhaça (opcional)

1 ovo

3 colheres de sopa de leite

 

Cortam-se as febras de porco em tirinhas, colocam-se num prato e temperam-se com o sumo da lima (pode usar-se limão) o sal e os orégãos. Reservar por uma ou duas horas para tomar o gosto.

Numa picadora moem-se os cornflakes. Não devem ficar em pó, devem ficar com bocadinhos pequenos. Moem-se também as sementes de linhaça e estas sim devem ficar em pó que se mistura aos cornflakes moidos num prato.

Noutro prato bate-se o ovo e adiciona-se o leite.

Noutro prato coloca-se a farinha.

Parece que se suja muita louça mas vale a pena.

Passam-se as tirinhas de porco por farinha, a seguir passam-se no ovo e depois passam-se pela mistura de linhaça e cornflakes. Colocam-se num tabuleiro e levam-se a forno bem quente por cerca de 30 minutos, até ficarem bem tostadinhas.

 

Para que não seja preciso lavar mais louça, deve-se forrar o tabuleiro com papel de ir ao forno. Depois é só recolher e deitar para o lixo e arrumar o tabuleiro :))

publicado por belitaarainhadoscouratos às 20:30
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (1) | favorito
|
Terça-feira, 23 de Fevereiro de 2010

que gyros

Esta forma de petiscar vem dos lados da Grécia. Gyros são bocados de carne, normalmente febras de porco, grelhadas numa espiral, de onde se cortam bocados para encher pão Pita*.

 

Não há grande técnica para o fazer em casa, cortam-se umas febras de porco em tirinhas muito finas e temperam-se de sal, cominhos, oregãos e pimenta. Por cima sumo de limão e deixa-se repousar.

Depois frita-se a carne numa frigideira com pouco azeite, deixa-se fritar muito bem até ficar tostadinho.

Aquece-se ligeiramente o pão Pita na torradeira, abre-se e lá dentro coloca-se carne, alface cortada às tirinhas, rodelas de tomate maduro e rodelas de cebola. o molho deve ser de iogurte mas numa aflição uma colherada de maionese também serve.

 

 

 

 

Kali Orexi que é como quem diz em grego Bom Apetite!

 

* O pão Pita pode ser encontrado em qualquer supermercado, este foi comprado no Pingo Doce

tags: ,
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|

mais sobre mim


ver perfil

seguir perfil

. 87 seguidores

cuscar

quantos são? quantos são?

HTML Hit Counter
pc computer components

digam qualquer coisa

coolinaria@sapo.pt

A Belita no Facebook!

My taste

mytaste.pt

armazém de receitas

tags

todas as tags

os meus livros de receitas, alguns...

blogs SAPO

subscrever feeds