Terça-feira, 16 de Junho de 2015

à Galega

 

Uma receita muito fácil e que apesar de parecer peixe cozido comum, fica bem diferente com a utilização deste molho.

A receita original leva ervilhas mas como tenho tido abundância de ervilhas tortas e como as prefiro às normais, usei as tortas.

De resto é comer e chorar por mais…

 

Pescada à Galega

 

IMG_4328.JPG

 

2 postas de pescada

4 batatas

1 mão-cheia de ervilhas tortas

½ cebola

2 dentes de alho

Azeite q.b.

Sal

1 colher de pimentão em pó

 

Cozer as batatas cortadas em rodelas grossas juntamente com a cebola. Quando estiverem quase cozidas, adicionar as postas de pescada e deixar levantar fervura. De seguida adicionam-se as ervilhas tortas e deixa-se acabar de cozer, cerca de cinco minutos ou um pouco mais, dependendo da grossura das postas de pescada.

Entretanto numa frigideira salteiam-se os alhos amachucados, com pele, no azeite apenas até dourar. Retira-se a frigideira do lume e retiram-se os alhos. Deixa-se arrefecer ligeiramente o azeite e adiciona-se o pimentão, mexendo. Deita-se esta mistura para uma taça para repousar o pimentão no fundo.

Escorre-se a água às batatas, ervilhas e pescada e servem-se com o molho de azeite e pimentão.

 

Nota: esta forma de cozinhar o peixe é muito usual na Galiza e pode-se usar, além de pescada, raia, bacalhau fresco, tamboril, etc.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (2) | favorito (1)
|
Quinta-feira, 8 de Maio de 2014

até espantalhos...

Aproveitar que estão na época, já se veem nos mercados, verdinhas e todas tortas, prontas a utilizar em muitas receitas.

As minhas, da horta, ainda estão pequenas e tenho tido que arranjar maneira de as proteger dos pássaros e até um espantalho fiz para ajudar, além de plásticos pendurados em paus, à laia de bidonville

 

Frango com Ervilhas Tortas 

 

 

½ frango caseiro

1 cebola picada

2 dentes de alho picados

1 malagueta

Azeite q.b.

½ copo de vinho branco

1 copo de água

1 mão–cheia de ervilhas tortas

 

Alourar a cebola picada e o alho no azeite, juntar a malagueta e o frango partido em pedaços e refogar. Quando o frango tiver perdido a cor crua, adicionar o vinho e mexer. Tapar o tacho e deixar refogar em lume brando e ir adicionando água pouco a pouco para manter molho. Quando o frango estiver tenro adicionam-se as ervilhas tortas e deixam-se cozer por uns cinco minutos.

Servir com arroz branco.

 

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (2) | favorito
|
Terça-feira, 18 de Junho de 2013

o arroz é nosso

O nosso arroz carolino é mesmo bom. A sério! Se puderem usem e verifiquem.

Existe à venda nas grandes superfícies arroz carolino proveniente das zonas do Mondego, Ribatejo e Sado.

O que eu uso, na maioria das vezes, é de produção local, das marinhas de arroz de Salreu e Canelas (Vouga), mas esse não se encontra em supermercados, compramos a quem produz ou a quem conhece quem produz.

 

Arroz Caldoso de Camarão e Ervilhas Tortas 

 

 

1 cebola

2 colheres de sopa de azeite

¼ de copo de vinho branco

1 copo de arroz carolino

Sal

Água a ferver q.b. *

6 estames de açafrão

100 grs de camarões descascados

1 mão-cheia de ervilhas tortas (retirar os fios)

1 colher de sopa de manteiga

Pimenta

 

Descascar os camarões e com as cascas e cabeças fazer um caldo que se mantém sempre a ferver para ir acrescentando ao arroz.

Alourar a cebola no azeite. Quando estiver dourada, juntar o arroz e mexer. Temperar com sal e adicionar o vinho e deixar evaporar.

Juntar o açafrão e meio copo de água de cozer as cascas do camarão. Deixar evaporar mexendo e repetir esta operação até gastar metade da água.

Adicionar o camarão e também as ervilhas. Continuar a adicionar água de cozer as cascas (ou água simples bem quente) até o arroz estar cozido e caldoso. Juntar a manteiga e a pimenta.

Servir de imediato.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Segunda-feira, 2 de Julho de 2012

monstro verde :)

Há muito anos vi numa revista uma receita que levava ervilhas e presunto, duas coisas que não me agradam por aí além. Mas a fotografia era tão bonita que experimentei e até que não saiu mal. No outro dia, estava a desfolhar receitas antigas e lá estava a tal, seguramente há mais de quinze anos que não era lembrada.

Como tinha em casa os ingredientes, fiz novamente. Acho que é preciso gostar muito de ervilhas para gostar deste prato (o que não é bem o meu caso).

 

Flan de Ervilhas com Presunto

 

 

 

1 cebola picada

Azeite q.b.

400 grs de ervilhas

1 raminho de salsa

2 folhas de hortelã

Água ou caldo de carne q.b.

200 grs de presunto fatiado

3 ovos

1 dl de natas

1 dl de leite

Pimenta

Noz moscada

 

Alourar a cebola em azeite e refogar as ervilhas com a salsa e a hortelã. Juntar água ou caldo de carne para não secar.

Quando as ervilhas estiverem cozidas, esmagam-se ligeiramente de forma a que algumas ainda fiquem inteiras.

Entretanto passa-se o presunto por água para retirar o excesso de sal.

Corta-se o presunto em quadradinhos pequenos.

Batem-se os ovos com as natas e o leite e temperar com pimenta fresca e noz moscada também ralada na altura.

Divide-se este preparado e metade junta-se às ervilhas e a outra metade junta-se ao presunto picado.

Unta-se uma forma de bolo inglês e deita-se a mistura das ervilhas na base e por cima a mistura do presunto.

Leva-se ao forno a cozer por cerca de uma hora.

Serve-se quente ou frio.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Terça-feira, 7 de Junho de 2011

ainda as ervilhas tortas

As minhas ervilhas tortas já encerraram a produção deste ano. O leirão onde cresceram já aguarda a chegada de novos inquilinos mas para a despedida ainda pude fazer este prato, tão singelo mas tão reconfortante.

 

Ervilhas Tortas Salteadas e Ovos Estrelados

 

 

2 dentes de alho

1 dl de azeite

1 mão cheia de ervilhas tortas

sal e pimenta q.b.

endro picado

2 ovos estrelados

 

Saltear o alho no azeite. Juntar as ervilhas e deixar amolecer. Temperar com sal e pimenta e polvilhar com endro picado.

Servir com ovos estrelados mal passados e pão tostado.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (3) | favorito
|
Segunda-feira, 6 de Junho de 2011

tempo farrusco

Hoje o dia amanheceu muito enevoado e ao longo da manhã a temperatura foi baixando e começou a cair uma chuva molha-tolos.

Estes dias são os ideais para matarmos saudades das sopas de inverno, neste caso com umas versões mais aligeiradas que podem ser comidas quentes mas, se o calor entretanto reaparecer, podem mesmo ser servidas frias. 

 

Sopa de Ervilhas Tortas

 

 

2 alhos franceses

1 dl de azeite

2 batatas grandes

1 courgette grande

100 grs de ervilhas tortas

sal

1 e 1/2 litros de água ou caldo de galinha

 

Alourar o alho francês cortado em rodelas no azeite. Juntar as batatas descascadas, courgette com casca e ervilhas em pedaços. Adicionar a água e temperar de sal.

Deixar ferver e cozer por 25 minutos.

Passar com a varinha mágica e servir acompanhado de tostas ou gressinos.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Segunda-feira, 14 de Junho de 2010

ervilhas

As ervilhas tortas (ou de quebrar) são muito adocicadas e tenrinhas. Tanto que até se podem comer cruas em saladas.

Eu gosto muito delas no arroz mas ontem experimentei saltear uma mão-cheia para ver como ficavam.

Ficaram muito crocantes e foram um belo acompanhamento para o almoço, além de terem uma cor muito estival.

Espero que continuem a produzir por muito tempo pois estou mesmo fã.

 

Ervilhas tortas salteadas

 

 

250 grs de ervilhas de quebrar

2 colheres de sopa de azeite

2 dentes de alho grandes

Sal e pimenta fresca

 

Numa frigideira aquece-se o azeite e alouram-se os alhos esmagados.

Adicionam-se as ervilhas lavadas e às quais se retiraram os fios. Embora tenras têm sempre uns fios de lado que se devem retirar.

Temperam-se com sal e pimenta fresca moída. Cozinhar apenas por 5 a 8 minutos em lume brando.

Abana-se a frigideira para irem mudando de posição ou então mexem-se com um garfo. 

Servir quente ou frio.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (3) | favorito
|

mais sobre mim

cuscar

quantos são? quantos são?

HTML Hit Counter
pc computer components

digam qualquer coisa

coolinaria@sapo.pt

A Belita no Facebook!

My taste

mytaste.pt

armazém de receitas

tags

todas as tags

os meus livros de receitas, alguns...

blogs SAPO

subscrever feeds