Quinta-feira, 15 de Dezembro de 2016

castanho, castanhas

 

A carqueja é uma erva que sempre associei a cozinhar com coelho. Também dá para fazer chá, e ao que parece até para emagrecer!

A carqueja existe à mão de semear por esses bosques e pinhais, é uma questão de estarem atentos e apanharem um ramo dela quando a virem. Guarda-se na despensa e pode ir sendo usada, até para fazer arroz é boa.

 

Coelho com Carqueja e Castanhas

 

20161113_130316.jpg

 

1 coelho pequeno

200 ml de vinho tinto

Sal q.b.

2 colheres de sopa de farinha

3 colheres de sopa de azeite

1 cebola picada

1 raminho de carqueja

200 ml de água

1 malagueta

100 grs de castanhas cozidas

 

Temperar o coelho cortado em pedaços com sal e marinar no vinho por uma ou duas horas. Escorrer e passar na farinha. Reservar a marinada.

Aquecer o azeite e alourar os pedaços de coelho. Retirar do tacho e alourar a cebola picada (se necessário pôr mais um pouco de azeite). Retornar o coelho ao tacho, adicionar a carqueja, a marinada, a malagueta e a água. Rectificar o sal e deixar cozinhar por 40 minutos a uma hora (dependendo da rijeza da carne) e de seguida juntar as castanhas e deixar apurar por mais dez minutos.

Servir com puré ou arroz branco.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Quinta-feira, 8 de Outubro de 2015

dos significados

 

Já alguma vez pensaram no termo ‘malandrinho’ associado ao arroz? Porque será que lhe chamamos isso?

Ao que parece, o arroz é malandrinho por ser fugidio como os malandros, ladrões e assim… o arroz escapa por entre o molho, bagos soltos.

Por isso se chama malandro. E eu gosto 

 

Arroz Malandrinho de Coelho

 

IMG_4687.JPG

 

½ coelho partido em bocados pequenos

1 cebola picada

2 dentes de alho picados

10 tomates cherry (ou 2 tomates médios)

1 raminho de q.b. de carqueja

1 raminho de salsa

Piripiri q.b.

1 colher de sopa de molho Inglês

3 colheres de sopa de azeite

1 copo de arroz agulha

3 copos de água a ferver

Sal q.b.

Vinho branco q.b.

 

Passar os bocados de coelho pelo vinho branco e escorrer.

Num tacho põe-se o azeite, a cebola, o alho, os tomates, a carqueja e salsa, o piripiri e o coelho. Estufar até o coelho estar praticamente cozido verificando se é necessário ir acrescentando algum líquido para não pegar (vinho branco ou água).

Adicionar o arroz, mexer e juntar a água a ferver. Rectificar os temperos e juntar a colher de molho Inglês. Deixar cozer o arroz de modo a ficar com molho.

Servir de imediato.

 

tags: ,
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (4) | favorito
|
Quinta-feira, 6 de Agosto de 2015

às vezes

Há comidas que são mais dos dias frios mas de vez em quando, em pleno verão, apetecem.

Foi o caso deste coelho que me deram e que por vir já a descongelar, teve que ter destino rápido.

 

Coelho com Molho de Alho

 

untitled.PNG

 

1 coelho

5 dentes de alho

Farinha

Sal e pimenta

Azeite

200 ml de vinho branco

200 ml de água

1 ramo de carqueja

1 ramo de tomilho

Sumo de ½ limão

100 ml de natas (usei de soja)

1 colher de sopa de mostarda

 

Temperar o coelho cortado em pedaços com sal e pimenta. Passar pela farinha e sacudir o excesso.

Num tacho largo aquece-se azeite e aloura-se o coelho. Adicionam-se os dentes de alho picados e o vinho. Deixa-se evaporar e junta-se a água, a carqueja e o tomilho e rectificam-se os temperos.

Deixa-se estufar com o tacho tapado até o coelho estar tenrinho, se necessário acrescenta-se mais um pouco de água.

Quando estiver cozido salpica-se o sumo de limão por cima. Misturam-se as natas com a mostarda e junta-se ao molho do coelho, mexendo para dissolver.

Servir com arroz frito e espinafres salteados.

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (2) | favorito
|
Quinta-feira, 21 de Maio de 2015

mais um empadao

 

Este é um prato que se faz de seguida ou por partes. Este foi feito de seguida. O coelho na panela de pressão não dá trabalho nenhum, faz-se quase sozinho 

Depois é esperar que arrefeça um pouco para desfiar e preparar um puré, que até pode ser instantâneo (não neste caso) e levar ao forno só para alourar.

Excelente para uma manhã de domingo, entre isto e sobremesa, é um bom programa.

 

Empadão de Coelho

 

coelho.png

 

1 coelho inteiro, pequeno

1 cebola picada

2 dentes de alho picados

4 tomates picados, sem pele

1 ramo de carqueja

1 ramo de tomilho

1 colher de chá de piripiri

½ copo de água

½ copo de vinho branco

Sal q.b.

Azeite q.b.

 

Puré de batata q.b.

1 gema de ovo

 

Colocar os ingredientes para o coelho na panela de pressão, fechar e levar ao lume. Quando começar a ferver, baixa-se o lume e deixa-se cozer por 45 minutos.

Deixar arrefecer e quando estiver morno, desfiar o coelho, retirando todos os ossos. Como cozeu bastante tempo, desfia-se quase ao toque. Com uma escumadeira retirar a parte grossa do molho (pedaços de tomate e cebola picada) e reservar.

Num tabuleiro espalha-se metade do puré de batata. Por cima põe-se o coelho desfiado e a parte que se reservou do molho. Cobre-se com o restante puré e pincela-se com uma gema de ovo batida.

Vai ao forno até alourar, cerca de 20 minutos.

Serve-se com salada, espargos grelhados, legumes cozidos, o que apetecer.

 

Nota: O coelho pode fazer-se na véspera, enquanto se prepara o jantar

 

 

 

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (2) | favorito
|
Quinta-feira, 16 de Abril de 2015

... lá a ver...

 

Esta receita pareceu-me bem por ser feita com cerveja.

E por ser com coelho, por mais politicamente incorrecto que seja, adoro coelho, fui criada a comer coelho, frango, pato, porco e ainda não consegui dar o salto e olhar para eles como animais fofinhos, que também são.

Por isso de vez em quando cozinho coelho, caseiro. Nunca comprei coelho no talho ou no supermercado.

A receita foi adaptada nas quantidades e procedimentos, acho que ficou mais simples.

 

Coelho em Cerveja

 

IMG_4073.JPG

 

½ coelho cortado em pedaços

½ copo de farinha

2 colheres de sopa de azeite

1 cebola grande cortada em meias luas

2 dentes de alho

3 raminhos de tomilho

1 cerveja mini

½ copo de água

1 pitada de sal

Pimenta preta moída q.b.

1 colher de chá de mostarda (daquela que tem grãos)

1 colher de sopa de salsa picada

 

Temperar o coelho com sal e passar por farinha, sacudindo o excesso.

Num tacho largo, alourar o coelho no azeite bem quente até estar dourado e retirar para um prato. No mesmo tacho fritar a cebola (se necessário juntar mais uma colher de sopa de azeite) mexendo para soltar do fundo do tacho pedacinhos que tenham ficado da fritura do coelho. Juntar os dentes de alho e o tomilho e deixar cozinhar até a cebola ter amolecido.

Juntar a cerveja, deixar levantar fervura e adicionar a água. Temperar com sal e pimenta e repôr os pedaços de coelho no tacho, sem sobrepor. Cozinhar por 45 minutos ou mais, até a carne estar tenra. Quando estiver, adicionar a mostarda e mexer. Servir salpicado de salsa com arroz branco ou um puré de batata.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Quinta-feira, 8 de Janeiro de 2015

das sobras...

Quando sobra uma coxa de coelho assado e pouco mais, que é que se faz? Um pastelão? Uma sandes? Deita-se fora?

Não, faz-se um caril de aproveitamentos. E pensa-se que para a próxima até se vai assar coelho a mais para poder fazer isto outra vez!

 

Caril de Coelho

 

caril.JPG

 

1 cebola pequena picada

1 dente de alho picado

2 colheres de sopa de óleo de girassol

1 colher de chá de caril em pó

1 malagueta (opcional)

150 grs de coelho desfiado

½ copo de água (cerca de 120 ml)

3 colheres de sopa de natas (usei de soja)

1 colher de sopa de salsa picada

1 colher de sopa de pistachos

1 colher de sopa de passas

 

Alourar a cebola e o alho no óleo. Juntar o caril em pó e a malagueta e mexer. Juntar também a carne de coelho desfiada e deixar aquecer e apurar juntando golinhos de água de quando em quando.

Adicionar as natas, a salsa, os pistachos e as passas. Deixar levantar fervura e servir de imediato com arroz.

 

Nota: pode ser usada qualquer carne desfiada em vez de coelho

 

tags: ,
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (2) | favorito
|
Quinta-feira, 21 de Agosto de 2014

saboroso...

Bom para piqueniques, para o jardim, piscina, ou mesmo para a mesa lá de casa (que nem todos estão de férias…).

 

Coelho Frito

 

 

½ coelho cortado em bocadinhos pequenos

½ copo de vinho branco

1 rama de alecrim

Piripiri q.b.

Sal q.b.

Azeite

 

Temperar o coelho com todos os ingredientes e deixar marinar por uma hora.

Aquecer o azeite numa frigideira e fritar os pedacinhos do coelho em lume brando, até estarem tenrinhos.

 

 

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (4) | favorito
|
Quinta-feira, 22 de Maio de 2014

olé!

Muito boa, esta receita de um ‘kiosko merendero’ em Aranjuez, perto de Madrid.

Pode ser feita com frango para quem for sensível à fofice dos coelhinhos {#emotions_dlg.sarcastic}

 

Coelho al ajillo

 

 

½ coelho cortado em bocados

5 dentes de alho

1 folha de louro

½ copo de azeite

1 malagueta

1 copo de vinho branco

1 copo de água

5 hastes de tomilho

Sal

 

Aquecer o azeite num tacho com os dentes de alho inteiros e com casca, a malagueta inteira e o louro, alourar os pedaços de coelho e temperar com sal.

Juntar o vinho e deixar ferver para evaporar um bocado. Adicionar a água e as hastes de tomilho e tapar o tacho. Deixar apurar em fogo lento até que o coelho esteja bem tenro. Se necessário acrescentar mais um pouco de água para ter molho.

Servir com batatas cozidas às rodelas e salteadas em azeite e com uma salada.

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (2) | favorito
|
Quarta-feira, 16 de Abril de 2014

a calhar

O mítico Chefe Silva era, à época, um verdadeiro mestre. Esta é uma das suas velhas receitas, adaptada ao meu jeito.

 

Coelho à Padeiro 

 

 

½ coelho grande cortado em pedaços

4 fatias de carne defumada

2 dentes de alho

1 folha de louro

raminhos de carqueja

1 raminho de salsa

1 colher de chá de colorau

1 copo de vinho branco

1 copo de água

Piri-piri q.b

Sal q.b.

Azeite q.b.

Cebolas e batatas novas

 

Numa tigela misturar o vinho, a água, o colorau, a salsa, o louro, os alhos, a carqueja, o sal e o piri-piri e cobre-se o coelho com esta marinada por umas horas ou de um dia para o outro.

Num tabuleiro põe-se o coelho e a marinada e por cima vertem-se umas goladas de azeite.

Cobrem-se os bocados de coelho com a carne defumada e à volta dispõem-se algumas batatas e cebolas novas cortadas em quartos.

Leva-se ao forno tapado com papel de alumínio por cerca de uma hora. Ao fim deste tempo retira-se o papel e deixa-se no forno por mais 30 minutos. Se necessário acrescentar mais um pouco de água para manter o molho.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (4) | favorito
|
Quinta-feira, 27 de Fevereiro de 2014

coelho&nozes

Se gostam de coelho, experimentem esta receita. É muito fácil e fica deliciosa.

Também deve ficar bem com frango, vejam se gostam.

 

Coelho com molho de nozes

 

 

½ coelho

50 grs de nozes picadas grosseiramente

2 dentes de alho

1 fatia de pão

Vinho branco

Água ou caldo de carne

Azeite

Sal

Pimenta

 

Cortar o coelho em pedaços pequenos e temperar com sal e pimenta.

Num tacho aquece-se o azeite e aloura-se o coelho. Retira-se do tacho e alouram-se os alhos e o pão esfarelado.

Voltar a pôr o coelho no tacho e misturar as nozes e o vinho.

Deixar evaporar o vinho por uns minutos e acrescentar a água ou caldo de verduras ou de galinha até quase cobrir o coelho. Rectificar os temperos e tapar o tacho deixando em lume brando por cerca de 45 minutos.

Servir com arroz ou puré de batata.

Pode-se salpicar com salsa picada (esqueci-me...) 

 

Nota: receita encontrada aqui.

 

tags: ,
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Quinta-feira, 6 de Fevereiro de 2014

Sí, cómo no?

Ainda bem que não sou espanhola senão era capaz de ser crucificada por chamar Paella a esta receita.

Sim, que em Espanha, nomeadamente em Valencia, eles levam muito a sério o que é uma receita de paella. Por exemplo: se levar ervilhas é considerado crime lesa majestade! Vá-se lá entender.

E se for feita ao lume, fogueira mesmo, é que é a sério. Mas as achas da lenha têm que ser de laranjeira (e se calhar quem as põe na fogueira tem que estar a fazer o pino ou vestido de azul…).

E também tem que queimar o fundo, criando uma crosta a que chamam ‘socarrat’. Ainda falam dos preciosistas {#emotions_dlg.blink}

Esta receita pareceu-me bem. Gosto de coelho, não gosto muito de favas, dei a minha volta à receita e no conjunto ficou excelente. Paella ou não…

 

Paella de Coelho e Favas

 

 

½ coelho cortado em bocados pequenos

3 dentes de alho inteiros e com casca

1 copo de arroz

1 litro de água ou caldo de carne quente

2 tomates pequenos

½ pimento vermelho

150 grs de favas pequenas descamisadas

Azeite

Sal

Pimentão doce

1 malagueta

Orégãos

Açafrão das Índias

1 ramo de alecrim

 

Numa paella ou tacho largo aquece-se o azeite e aloura-se o coelho com os dentes de alho. Corta-se o pimento e o tomate em quadrados e adiciona-se ao coelho juntamente com as favas, mexendo. Deixa-se refogar um pouco e tempera-se com sal, uma colherita de chá de pimentão doce, uma de orégãos e uma malagueta inteira. Deita-se a água ou calde de carne, mexe-se e deixa-se cozer por uns 20 minutos.

Ao fim desse tempo, adiciona-se o arroz e o açafrão das Índias, mexe-se e deixa-se cozer por cerca de 20 minutos.

Convém ter mais água a ferver e se repararmos que começa a secar antes de o arroz estar cozido, vai-se acrescentando um pouco de água. No fim deve ficar sem molho.

Quando pronto, põe-se o ramo de alecrim sobre o arroz e cobre-se com um pano de cozinha ou um jornal e deixa-se repousar por cinco minutos antes de servir.

 

Nota: usei um arroz chamado ‘bomba’ que em Espanha é muito usado em paellas. Se não tivesse deste arroz, teria usado arroz agulha.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Quinta-feira, 8 de Agosto de 2013

malandro!

Não é um risotto mas é um arroz malandrinho pleno de sabor. Também pode ser feito com frango ou peru.

 

Arroz de coelho e tomilho, malandrinho

 

 

 

½ coelho cortado em pedaços pequenos

1 cebola picada

2 dentes de alho picados

Azeite q.b.

1 dl de vinho branco

Sal

1 raminho de tomilho

1 copo de arroz carolino

4 copos de água a ferver (um pouco mais se necessário)

 

Alourar a cebola e o alho no azeite. Adicionar o coelho e mexer. Juntar o tomilho e temperar com sal a gosto. Borrifar com o vinho, mexer e deixar evaporar.

Refogar juntando bocadinhos de água por uns 20 minutos.

Juntar o arroz mexendo para não pegar. Deitar a água a ferver sobre o arroz e rectificar os temperos se for necessário.

Deixar cozer até que o arroz esteja no ponto e com molho. Se for necessário adiciona-se mais água a ferver (ou caldo de galinha).

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Quinta-feira, 14 de Março de 2013

mostarda sem ser no nariz...

Para quem gosta de coelho {não é para todos!} esta é uma excelente maneira de o cozinhar.

E não chega ao nariz!!! 

 

Coelho com Mostarda 

 

 

1 coelho cortado em bocados

3 colheres de sopa de mostarda

2 cebolas

4 dentes de alho

1 folha de louro

Sal q.b.

½ copo de vinho branco

1 copo de água

Azeite q.b.

50 ml de natas

 

Barrar o coelho com a mostarda e deixar repousar.

Cortar as cebolas em meias luas finas e os dentes de alho em rodelas finas.

Num tacho colocar as cebolas, os dentes de alho, a folha de louro, o coelho, o sal, o vinho e a água. Deitar umas goladas de azeite e levar ao lume, tapado, até fervilhar. Baixar o lume e deixar cozer até o coelho estar tenro. Se necessário acrescentar mais um pouco de água ao longo da cozedura para manter o molho.

Quando o coelho estiver cozido, juntar as natas e mexer bem.

Servir com puré de batata e cenoura.

 

Nota: Usei mostarda da marca Cigalou, de que gosto muito (penso que é Intermarché)

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Quinta-feira, 14 de Junho de 2012

outra vez?

Eu não passo a vida a comer coelho mas confesso que é uma carne que aprecio muito, apesar de nunca ter comprado coelho em talhos. Felizmente tenho uma vizinha que me arranja dos caseiros e que já vêm prontinhos a usar.

 

Coelho na Caçarola

 

 

 

1 coelho pequeno

1 cebola

6 dentes de alho

1 raminho de alecrim

1 raminho de carqueja

Sal

Pimenta preta

1 dl de vinho branco ou rosé

2 dl de azeite

2 colheres de sopa de mostarda

Batatas e batatas doces

 

No fundo da caçarola põe-se a cebola cortada às rodelas e os dentes de alho inteiros. Por cima põe-se o coelho inteiro ou cortado ao alto. As batatas e as batatas doces põem-se por cima, cortadas em quadrados grandes. Espalha-se o alecrim e a carqueja sobre os ingredientes e tempera-se de sal e pimenta moída.

Numa taça bate-se a mostarda com o vinho e o azeite e deita-se sobre o coelho e batatas. Vai ao forno por cerca de uma hora ou um pouco mais. No início tapa-se com papel de alumínio mas para o fim retira-se para alourar.

 

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Quinta-feira, 19 de Abril de 2012

bela empada

Esta receita foi inspirada numa receita do livro Food Heroes do Rick Stein mas a minha é muito mais fácil, apesar de ser feita em dois passos.

Eu, que não sou nada de antecipar aquilo que vou fazer para as próximas refeições, desta vez esmerei-me e enquanto fazia o jantar meti todos os ingredientes do coelho num tacho e lá ficou em lume brando a estufar por uma horita ou mais.

Depois foi esperar pelo dia seguinte e fazer o resto.

Maravilha.

 

Empada de Coelho

  

 

Na véspera estufar um coelho pequeno em cebola, alho, carqueja, salsa, vinho, azeite e sal. Juntar também cenoura em rodelas grossas e cogumelos cortados em quartos.

Deixar arrefecer até ao dia seguinte.

Quando for para fazer a empada, retira-se o coelho do tacho e desossa-se em lascas grandes. Descarta-se também a carqueja e a  salsa.

Levar o tacho com o molho do refogado (com a cenoura e cogumelos) ao lume e adicionar uma colher de sopa de farinha maizena dissolvida num pouco de água. Deixar engrossar e juntar as lascas do coelho.

Virar o conteúdo do tacho para uma forma de empada ou tabuleiro refractário e tapar com massa folhada.

Levar ao forno até a massa ficar dourada, cerca de 25 minutos.

Servir com uma salada.

 

Nota: Usei massa espanhola para ‘empanadas’ em vez da massa folhada.

Pode ser feito com frango em vez de coelho.

 

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (1) | favorito
|
Quinta-feira, 12 de Janeiro de 2012

à passarinho

Nos restaurantes em Lisboa era costume haver um prato que se chamava Frango à Passarinho (se calhar ainda há).

Decidi adaptar essa receita com coelho e ficou maravilhosa! 

 

Coelho Frito à Passarinho 

 

 

½ coelho cortado em bocados pequeninos

1 raminho de carqueja

6 dentes de alho picados

Sal q.b.

1 malagueta picada

½ copo de vinho branco

Azeite para fritar

 

Misturar todos os ingredientes (excepto o azeite para fritar) numa taça e mexer bem. Deixar repousar por uma hora ou mais.

Aquecer o azeite numa frigideira e fitar os pedacinhos de coelho com a marinada até ficarem bem lourinhos.

Servir com quartos de limão como aperitivo ou com arroz e salada como prato principal.

 

Nota: o nome à passarinho significa que os bocados são pequeninos

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:30
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Quinta-feira, 17 de Novembro de 2011

animaizinhos fofinhos

Este verão estive em casa de familiares que tinham como animais de estimação coelhos! Fofinhos e peludinhos.

Sinceramente, não me faz impressão comer alguns animais, tem a ver com a maneira como fomos criados e em minha casa, galinhas, coelhos, porcos e cabras eram animais de criação e cães e gatos eram animais de estimação. Era incapaz de comer cão ou gato mas os restantes não me fazem qualquer espécie…

 

Coelho de Fricassé

  

 

½ coelho, com cerca de 600 grs

Azeite q.b.

4 dentes de alho

1 cebola

1 haste de tomilho

1 ramo de carqueja

½ copo de vinho branco

Água q.b.

Sal

1 gema de ovo

Sumo de ½ limão

1 colher de sopa de mostarda

1 colher de sopa de natas

Salsa picada

 

Num tacho com azeite aloura-se o coelho cortado em bocados pequenos. Retira-se o coelho e reserva-se.

Adiciona-se a cebola e os alhos picados e deixa-se alourar. Junta-se o tomilho, a carqueja e ½ copo de vinho branco. Deixar ferver até quase evaporar. Juntar o coelho ao tacho com o líquido que entretanto criou. Adicionar água e temperar com sal. Deixar cozer tapado em lume brando por cerca de 45 minutos. Juntar água ao longo a cozedura, se necessário, para manter um molho abundante.

Numa taça junta-se a gema, o sumo de limão, a mostarda e as natas e mexe-se bem. Adicionar ao molho do coelho e deixar levantar fervura para engrossar.

Polvilhar com salsa picada.

Servir com puré de batata, beringelas grelhadas e pimentos de Padrón fritos.

 

Nota: usei natas de soja

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:15
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (1) | favorito
|
Quinta-feira, 5 de Maio de 2011

coelhinho

Não fui a tempo da foto mas não seja por isso, esta receita é mesmo boa por isso experimentem.

Se não gostarerm de coelho, façam antes com frango ou carne de porco que também fica bem.

Adaptada desta receita. 

 

Coelho com molho de mostarda

 

 

1 coelho

sal

2 colheres de sopa de manteiga

2 colheres de sopa de azeite

1 cebola

½ copo de vinho branco

½ copo de água

½ copo de mostarda (tipo Dijon)

1 haste de tomilho

3 hastes de carqueja

½ copo de natas

Salsa picada .b.

 

Temperar o coelho cortado em bocados pequenos com sal.

Aquecer a manteiga e o azeite num tacho e alourar os bocados de coelho que não devem estar amontoados. Se necessário aloura-se metade da quantidade de cada vez.

Retirar os pedaços de coelho para uma taça e no tacho junta-se a cebola bem picada à gordura. Mexe-se bem e raspa-se o fundo para soltar quaisquer bocadinhos queimados.

Junta-se o vinho, o tomilho e a carqueja e mexe-se, deixando evaporar por um minuto. Depois junta-se a mostarda e a água e deixa-se ferver. Adicionam-se os bocados de coelho e deixam-se cozinhar em lume brando por cerca de 45 minutos.

Finalmente adicionam-se as natas e mexe-se bem para envolver os bocados de coelho com o molho.

Salpica-se com a salsa picada e serve-se com arroz branco, puré ou cuscuz.

 

Notas: Usei margarina Becel Cozinha em vez da manteiga;

Usei natas de soja marca Pingo Doce.

 

 

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Segunda-feira, 28 de Março de 2011

rápido e bom

A panela de pressão é um utensílio que ainda não consegui definir se gosto ou não.

Passo a explicar: gosto da rapidez com que as coisas são cozinhadas mas D.E.T.E.S.T.O. solenemente o barulho que a panela faz quando começa a chiar. Acho sempre que aquilo está prestes a entrar em modo auto destruição...

No entanto, e já que tenho uma, de vez em quando ponho-a a uso e os resultados não podiam ser melhores.

 

Coelho super rápido

 

 

No fundo da panela de pressão dispõem-se em camadas:

1 cebola cortada em meias luas grossas

4 dentes de alho cortados em palitos

50 grs de bacon cortado em tirinhas

½ coelho

6 batatas médias inteiras (descascadas e com um golpe)

1 cenoura cortada em rodelas grossas

1 ramo de salsa

1 haste de tomilho

1 malagueta

½ copo de vinho branco

1 copo de água

½ copo de azeite

Sal q.b.

 

Tapar a panela e levar ao lume. Deixar cozer por 40 minutos após levantar fervura.

Servir com grelos cozidos.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (1) | favorito
|
Quinta-feira, 17 de Fevereiro de 2011

mitos

Esta é uma receita recorrente... sim, vamos desmistificar a coisa: o pessoal que escreve blogues de culinária também repete receitas!!! 

Embora na maioria das vezes estejamos a pensar na próxima novidade, há imensas receitas a que voltamos porque, ou são boas, ou são fáceis de fazer, ou lá em casa todos gostam, ou mesmo porque não há tempo para procurar uma nova e aquela até saíu bem da outra vez.

Neste caso é mesmo porque é mesmo muito boa.

 

Coelho em molho de alho

  

 

1 kg de coelho

1/4 de copo de farinha

1 dl de azeite

10 dentes de alho

1 copo de vinho branco

1 folha de louro

1 haste de tomilho

sal e pimenta fresca

1 colher de chá de pimentão doce

 

Cortar o coelho em bocados pequenos (cerca de 10 bocados). Passar por farinha e sacudir o excesso.

Num tacho aquece-se o azeite e alouram-se os bocados de coelho. Junta-se os dentes de alho e deixam-se alourar ligeiramente. Deitar o vinho sobre o coelho e mexer. Adicionar a folha de louro e o tomilho e temperar de sal e pimenta a gosto.

Reduzir o lume para o mínimo e deixar cozer por cerca de 45 minutos. Se for necessário, junta-se um bocadinho de água para manter o molho.

Quando cozido, retirar do tacho e polvilhar com pimentão doce.

Servir com puré e esparregado.

 

Nota:

Os dentes de alho acabam por se desfazer com a cozedura deixando o molho muito cremoso

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 12:53
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (2) | favorito
|
Terça-feira, 30 de Novembro de 2010

que delícia

Para aproveitamento de sobras ou mesmo feitas de propósito estas empadinhas de carne são deliciosas.

A acompanhar uma sopa fazem um jantar perfeito.

 

Empadinhas de Coelho

 

 

150 grs de sobras de coelho ou frango desfiado

1 cebola picada

2 dentes de alho picados

azeite q.b.

10 azeitonas descaroçadas

1 colher de sopa de farinha

1 dl de água

pimenta e noz moscada

1 gema de ovo

1 embalagem de massa quebrada

 

Usei a massa quebrada pronta a usar, que vem em formato redondo para fazer uma tarte. Cortei sete rodelas mais largas do que as formas de queques e forrei-as. Usei as aparas de massa que sobraram para 'construir' as tampas das empadas. Consegui aproveitar toda a massa de uma tarte para fazer sete empadinhas jeitosas.

 

Num tachinho alourei em azeite a cebola cortada em meias luas e os dentes de alho. Misturei o coelho desfiado que tinha sobrado de um estufado que fiz há uns tempos que também tinha cenoura. Congelei na altura a carne que sobrou já desfiada e também a cenoura cortada em dados. Pode-se usar também peito de frango, mesmo daquele de churrasco.

Temperei de pimenta e noz moscada e juntei as azeitonas picadas. Salpiquei com a farinha, mexi e adicionei a água. Mexi novamente até ficar cremoso, cerca de 1 minuto.

Com esta mistura recheei as empadas que se taparam com a restante massa. Pincelei com a gema de ovo batida e foram ao forno por cerca de 20 minutos.

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (2) | favorito
|
Quinta-feira, 17 de Junho de 2010

wabbit...

Não falo aqui tantas vezes de coelho quantas gostaria. Até porque como coelho muitas vezes e consigo arranjar de produção caseira. Aliás, acho que nunca comprei coelho em talhos ou supermercados.

Quando era pequena a minha mãe criava coelhos e eu até a ajudava a, enfim, enviá-los para o ‘céu dos coelhos’.

Hoje já não era capaz. Um bocadinho hipócrita, considerando que os como com prazer…

Além disso têm uma carne extremamente magra e super saborosa.

 

Coelho no Churrasco

 

 

 

1 coelho pequeno (cerca de 1 kg)

Marinada:

½ copo de vinho branco

Sal q.b.

1 colher de sopa de mostarda

Raminhos de tomilho limão

Raminhos de carqueja

 

Misturam-se os ingredientes da marinada numa taça e põem-se aí os bocados de coelho a tomar o gosto por cerca de duas horas.

Assa-se num fogareiro tendo o cuidado de ir pincelado com o resto da marinada para que a carne não seque.

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (1) | favorito
|

mais sobre mim

cuscar

quantos são? quantos são?

HTML Hit Counter
pc computer components

digam qualquer coisa

coolinaria@sapo.pt

A Belita no Facebook!

My taste

mytaste.pt

armazém de receitas

tags

todas as tags

os meus livros de receitas, alguns...

blogs SAPO

subscrever feeds