Quinta-feira, 29 de Outubro de 2015

buon appetito!

 

É raro fazer lasanha embora seja um prato que aprecie bastante. Normalmente quando penso no tempo que vai demorar até estar pronto, passa-me logo a vontade. E não, eu não sou capaz de antecipar as refeições da semana nem tão-pouco as compras para as ditas…

Por isso, quando faço carne à bolonhesa, aproveito e faço logo uma grande quantidade que congelo em porções e assim, quando me apetecer algo mais trabalhoso, é só retirar do congelador e preparar tudo.

Deixo aqui as receitas completas mas nesta lasanha em especial, usei bolonhesa que tinha guardada, só tive que fazer o molho bechamel (também não estou assim tão desesperada que use do de compra!) e preparar tudo no tabuleiro.

 

Lasanha

 

download (1).png

 

Bolonhesa:

1 cebola

1 cenoura

1 dente de alho

1 raminho de aipo

azeite q.b.

500 grs de carne picada

1/4 de copo de vinho branco

1 lata de tomate picado

sal

pimenta

1 colher de sopa de molho inglês

1 copo de água

 

Molho Bechamel:

2 colheres de sopa de margarina

2 colheres de sopa de farinha

2 1/2 copos de leite

sal, pimenta e noz moscada

 

placas de lasanha pronta a usar

100 grs de queijo mozarela ralado

 

Fazer a bolonhesa:

Num tacho aloura-se a cebola no azeite, mistura-se a cenoura ralada (não é em fios como para a salada, é mesmo aos bocadinhos minúsculos), o dente de alho picadinho e o ramo de aipo cortado em rodelas fininhas (sem a rama). Mexe-se e adiciona-se a carne picada mexendo bem para não ficar em grumos. Adiciona-se o vinho, deixa-se evaporar e mistura-se o tomate picado (se forem frescos devem ser bem maduros e sem a pele, uns 4 médios). Deixa-se refogar mais um pouco e adicionam-se os temperos (sal, pimenta e molho inglês) e a água. Deixa-se em lume brando por cerca de 30 a 45 minutos para apurar bem o sabor.

 

Fazer o molho bechamel:

Derreter duas colheres de sopa de margarina num tachinho, adicionar duas colheres de farinha mexendo sempre e adicionar o leite num fio mexendo sempre para não criar grumos. Continuar a mexer sempre até engrossar, adicionar mais leite se necessário (deve ficar mais para o líquido) e temperar com sal, pimenta e noz moscada. 

 

Preparar a lasanha:

No fundo de um tabuleiro refractário ou de pyrex põe-se um pouco da mistura de bolonhesa. Por cima põem-se placas de lasanha seguidas de mais bolonhesa e molho bechamel. Polvilha-se com queijo ralado e volta-se a repetir: placas de lasanha, bolonhesa, bechamel e queijo. Repete-se até finalizar os ingredientes, a mim deu três camadas.

Levar ao forno médio até estar lourinho por cima, cerca de 30 minutos.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (4) | favorito
|
Terça-feira, 5 de Julho de 2011

alternativas

 

Muitas vezes apetece comida que não leve carne nem peixe.

 

Lasanha de Cogumelos e Courgettes

 

 

500 grs de cogumelos

300 grs de courgettes

5 dentes de alho

1 dl de azeite

1 dl de moscatel

sal

pimenta

1 requeijão

1 ovo

2 colheres de sopa de cebolinho picado

placas de lasanha frescas

 

Molho Bechamel

2 colheres de sopa de margarina

2 colheres de sopa de farinha

2 1/2 copos de leite

sal

noz moscada

 

Fazer o Molho Bechamel:

Faça um molho bechamel com 2 colheres de sopa de margarina derretida num tachinho, adicione-lhe 2 colheres de farinha mexendo sempre e adicione o leite um bocado de cada vez. Mexa sempre até engrossar, ajuste o líquido se necessário e tempere com sal, pimenta e noz moscada. 

 

Numa frigideira salteiam-se no azeite com alho picado os cogumelos e as courgettes descascadas, tudo cortado em quadrados. Junta-se o moscatel (ou água) e deixa-se evaporar. Tempera-se de sal e pimenta.

 

Mistura-se numa taça o requeijão com um ovo e cebolinho picado.

 

Num tabuleiro pyrex põe-se uma colherada de bechamel no fundo. Por cima uma camada de placas de lasanha. Sobre a massa deita-se um terço da mistura de cogumelos e courgettes, um terço da mistura de requeijão e molho bechamel. Novas camadas até acabarem os ingredientes. A última camada é de molho bechamel que cobre tudo. Vai ao forno por 25 minutos até borbulhar e estar dourado.

 

Servir com um pão de centeio e uma salada de alface.

 

Nota: usei placas de lasanha frescas de marca branca de supermercado.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (2) | favorito
|
Terça-feira, 15 de Março de 2011

aromas bons

Este é daqueles pratos que apetece mesmo com o tempo frio, como ainda se mantém por aqui e parece que por mais uns tempos.

A lista de ingredientes parece grande mas na realidade não é nada complicado de fazer e se prepararmos as coisas antes de começar, cortar as coisinhas todas em bocadinhos, é mesmo fácil e depois de entrar no forno sobra tempo para outros afazeres.

Acompanhar com um pão tostado no forno e um vinho tinto bem encorpado. 

 

Lasanha de carne, courgetes e cogumelos

 

 

 

1 cebola

1 colher de sopa de aipo picado

1 colher de sopa de pimento vermelho picado

1 dl de azeite

500 grs de carne de novilho picada

0,5 dl de vinho tinto

1 colher de chá de piri-piri

1 colher de sopa de molho inglês

Sal

150 grs de courgette

150 grs de cogumelos

1 embalagem 200 grs de polpa de tomate

1 copo de água

12 Placas de lasanha

1 embalagem de 500 grs de Molho Bechamel

2 dl de leite

Noz moscada

 

Amolecer a cebola, o aipo e o pimento vermelho no azeite. Juntar a carne picada e mexer. Deixar a carne perder o aspecto de crua e misturar o vinho, o piri-piri e o molho inglês. Temperar de sal e deixar fervilhar.

Juntar as courgettes picadinhas bem como os cogumelos, também picadinhos. Adicionar a polpa do tomate e um copo de água ou caldo de carne.

Enquanto apura, mais ou menos por 20 minutos, prepara-se o bechamel. Deitei o conteúdo de uma embalagem de molho bechamel comprado numa caçarola, misturei-lhe o leite, pouco a pouco para envolver bem e no fim temperei com noz moscada. Aqueci em lume brando. 

No fundo de um tabuleiro refractário ou pyrex deita-se uma colherada do molho da carne. Por cima arranjam-se três placas de lasanha. Sobre estas espalha-se uma parte da carne com molho e sobre este uma parte do molho bechamel. Voltam a repetir-se estas camadas até finalizar os ingredientes. Por cima de tudo deve ficar molho bechamel e as placas de lasanha devem ficar bem cobertas quer com molho da carne quer com bechamel.

Vai ao forno por 30 minutos até ficar dourado e borbulhante.

 

Notas:

Usei placas de lasanha com pré-cozedura mas mesmo assim optei por mergulhar as placas em água a ferver, por um minuto, antes de começar a preparar o tabuleiro. Assim não ficou tão seca como por vezes é costume.

O molho bechamel comprado é muito grosso pelo que para uma lasanha é preferível ficar um pouco mais líquido, além de que rende mais.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (1) | favorito
|
Segunda-feira, 22 de Março de 2010

para variar

Quando se pensa em filetes de pescada normalmente associamos a filetes passados por farinha e ovo e fritos em óleo. É muito bom, então acompanhado de uma salada russa, maravilha mesmo.

Para não ficar com a casa a cheirar a fritos, optei por dar uma roupa nova a uns filetes de pescada. Esta receita pode também ser feita com medalhões, tranches, postas, lombos e outros nomes que basicamente querem dizer o mesmo: pescada congelada.

 

Filetes de Pescada Gratinados

receita para duas pessoas

 

 

 

 

3 filetes de pescada congelados

sumo de 1 limão

sal para temperar

2 ovos

molho

1 colher de sopa de margarina

1 colher de sopa de farinha

1/2 copo de água de cozer os filetes

1/2 copo de leite

pimenta

noz moscada

 

Temperam-se os filetes com o sal e o sumo de limão e reservam-se por cerca de uma hora.

Cozem-se os filetes num tachinho com água por 10 minutos. Retiram-se da água e separam-se em lascas.

Põe-se dois ovos a cozer retirando da água 4 minutos depois de começar a ferver para que o centro dos ovos esteja ainda líquido.

Noutro tachinho faz-se um molho bechamel. Derrete-se a margarina e junta-se a farinha mexendo bem. Adiciona-se a água de cozer os filetes (meio copo) e o leite (meio copo). Tempera-se de pimenta moida na altura e noz moscada também ralada no momento. Se necessário adiciona-se mais água ou leite, o molho não deve ficar muito grosso pois ainda vai ao forno. Ajustar os temperos, se necessário.

Num tabuleiro de barro dispõem-se as lascas da pescada, por cima os dois ovos cortados ao meio (depois de descascados...) e com a parte da gema virada para cima.  Sobre os ovos e a pescada verte-se o molho bechamel. Polvilhar novamente com noz moscada.

Vai ao forno a gratinar cerca de 20 minutos.

 

Servido com arroz de bróculos roxos.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 08:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (3) | favorito
|
Sexta-feira, 29 de Janeiro de 2010

para o fim de semana...

Nunca tinha feito Bacalhau Espiritual. Comi uma vez num restaurante, há anos, e não gostei por isso não me tentava a experimentar.

Aqui há uns tempos, a espreitar blogs de cozinha que aprecio, descobri uma receita que me pareceu boa e que, se não fosse, também não vinha mal ao mundo porque não dava muito trabalho a fazer.

Ficou espectacular e já faz parte das minhas preferências. Esta receita é uma variação de uma que veio daqui.

 

Bacalhau Espiritual

 

 

 

2 postas médias de bacalhau demolhado
2 cenouras grandes
1 cebola grande
2 dentes de alho

azeite q.b.
sal e pimenta q.b.

3 pães
1 copo de leite morno

Molho Béchamel

2 colheres de sopa de margarina

2 colheres de sopa de farinha

1 copo de leite*

1 copo de água de ferver o bacalhau*

2 ovos (separar gemas das claras)


Pique a cebola, as cenouras e os dentes de alho na picadora. Aloure tudo num tacho com azeite durante cerca de 5 minutos.
Escalde as postas de bacalhau num tacho com água, deixando levantar fervura. Retire o bacalhau para arrefecer e reserve a água para fazer o molho bechamel.

Desfie o bacalhau e junte-o ao refogado.
Entretanto demolhe o pão partido em pedaços no leite morno, escorra e junte o pão à mistura de bacalhau. Envolva bem.

Faça um molho bechamel com 2 colheres de sopa de margarina derretida num tachinho, adicione-lhe 2 colheres de farinha mexendo sempre e adicione 1 copo da água de cozer o bacalhau e 1 copo de leite. Mexa sempre até engrossar, ajuste o líquido se necessário e tempere com sal, pimenta e noz moscada.
A metade do molho bechamel junte as 2 gemas de ovo e envolva tudo no preparado anterior.
Verifique os temperos. Coloque a mistura num tabuleiro de ir ao forno.
Bata as 2 claras em castelo firme e junte-lhes o restante bechamel. Cubra o preparado de bacalhau com este bechamel e leve a forno quente até ficar dourado. Sirva de imediato com uma salada verde ou com legumes cozidos (grelos, feijão verde, bróculos, etc.)

 

* Esta receita é versátil e se tivermos bacalhau já desfiado de compra, pode-se fazer sem ser necessário fervê-lo pelo que nesse caso, para o molho bechamel, pode usar apenas leite e saltar o passo de ferver e desfiar o bacalhau...

publicado por belitaarainhadoscouratos às 08:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|

mais sobre mim


ver perfil

seguir perfil

. 87 seguidores

cuscar

quantos são? quantos são?

HTML Hit Counter
pc computer components

digam qualquer coisa

coolinaria@sapo.pt

A Belita no Facebook!

My taste

mytaste.pt

armazém de receitas

tags

todas as tags

os meus livros de receitas, alguns...

blogs SAPO

subscrever feeds