Terça-feira, 20 de Junho de 2017

variante

 

Aqui fica mais uma variante desta receita que é tão prática e fica tão saborosa.

Se a broa for caseira (esta foi feita pelo meu irmão) ainda fica melhor!

 

Bacalhau com Grelos e Broa

 

20170305_133824.jpg

 

2 postas de bacalhau

6 batatas cozidas

1 cebola grande às rodelas

3 dentes de alho picados

Azeite q.b.

Vinagre q.b.

Grelos cozidos q.b.

250 grs de miolo de broa pequena

sal e pimenta moída na altura q.b.

 

Cozer o bacalhau por dez minutos, escorrer e separar em lascas.

Cozer as batatas com a pele, escorrer e cortar em rodelas.

Refogar a cebola em rodelas no azeite, quando estiver quase alourada juntar os dentes de alho picados e deixar alourar. Salpicar com um esguicho de vinagre e reservar.

Num tabuleiro põem-se as rodelas de batata no fundo, por cima as lascas de bacalhau e os grelos cozidos.

Deitar a cebolada por cima dos grelos e sobre a cebolada põe-se a broa esmigalhada.

Vai ao forno para alourar cerca de 20 minutos.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Terça-feira, 21 de Fevereiro de 2017

andemos

 

Simples. Como diz o outro: less is more

 

Bacalhau com Batata a Murro

 

20170115_130215.jpg

 

2 postas grossas de bacalhau

8 ou 10 batatas pequenas

Sal q.b.

4 dentes de alho

200 ml de azeite

 

Assar as postas de bacalhau (ou grelhar) e separar em lascas, retirando a pele e as espinhas.

Cozer as batatas com a pele em água com sal. Escorrer e com um pano enrolado na mão ou com uma luva de cozinha dar um murro em cada batata para espalmar.

Aquecer o azeite ao lume com os dentes de alho picados até começar a levantar fervura.

Pôr as batatas no fundo de um tabuleiro de ir ao forno e por cima espalhar as lascas de bacalhau. Regar com o azeite e alho e levar ao forno a alourar.

Servir com grelos cozidos.

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (1) | favorito
|
Terça-feira, 13 de Dezembro de 2016

Das sobras...

 

Quando sobra um pouco de bacalhau cozido e depois de bem olhado e remirado sabemos que não dá para mais que dois ou três bolinhos, e quando o salmão também só teria como destino uma sandes que não apetece e, mais grave ainda, quando a massa folhada já passou do prazo há dois dias, há que ser inventivo e fazer coisas lindas!

 

Tarteletes, duas versões (bacalhau e salmão)

 

IMG_20161202_125505.jpg

 

1 embalagem de massa folhada

1 alho francês (apenas a parte branca)

2 colheres de sopa de azeite

4 ovos

150 ml de natas de soja

120 ml de iogurte natural

Sal e pimenta q.b.

½ posta de bacalhau cozido, em lascas

2 colheres de sopa de uvas passas

1 malagueta pequena

50 grs de salmão defumado

2 ovos pequenos

 

Saltear o alho francês no azeite apenas até amolecer. Reservar.

Numa taça bater os ovos com as natas e o iogurte e temperar a gosto com sal e pimenta.

Dividir a massa folhada por quatro formas de tartelete. Pôr o alho francês salteado sobre a massa folhada.

Em duas tarteletes, põe-se o bacalhau em lascas, salpica-se com as uvas passas e a malagueta cortada em rodelas muito finas. Noutras duas tarteletes põe-se o salmão em lascas.

Deita-se a mistura de ovos e natas sobre o recheio das tarteletes. Nas de salmão põe-se também um ovo em cada.

Levam-se ao forno até estarem douradas, cerca de 25 minutos.

Servem-se com uma salada como prato principal.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Quinta-feira, 23 de Junho de 2016

e outra

 

Mais uma versão do mítico bacalhau com broa. Para quando as ideias faltam

 

Bacalhau com Broa

 

bacalhau

 

16 batatinhas novas com a pele

2 postas de bacalhau alto

500 ml de leite

1 cebola grande cortada em rodelas

2 dentes de alho cortados em rodelas

100 grs de miolo de broa

Azeite q.b.

 

Cozer as batatas em água com sal.

Cozer o bacalhau em leite por uns dez minutos (se necessário acrescentar água para que o bacalhau fique coberto). Escorrer e remover peles e espinhas e separar em lascas grossas.

Fazer uma cebolada fritando a cebola cortada em rodelas finas em azeite abundante. Adicionar também o alho em rodelas. Reservar.

Ralar o miolo da broa.

Escorrer as batatas e dar um murro sobre cada uma para as espalmar. Colocar num tabuleiro refractário e por cima pôr as lascas de bacalhau e a cebolada, seguido da broa. Por cima de tudo o azeite da cebolada e um pouco mais de azeite se necessário.

Vai ao forno até alourar a broa, cerca de 20 minutos.

 

tags: ,
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Quinta-feira, 24 de Março de 2016

dos dias

 

Sempre ouvi dizer que o problema do jejum na Quaresma não é o que entra da boca para dentro, mas o que sai da boca para fora.

Mas, para quem quiser seguir à risca a tradição de não comer carne na sexta-feira santa (amanhã), aqui vai uma sugestão que sai sempre muito bem.

Esta receita é de uma amiga e já foi testada e retestada e deu sempre bom resultado.

E já sabem, a semana pode ser santa, mas nós não temos que ser 

  

Bacalhau à Néné

 

download (1).png

 (antes de ir ao forno)

 

2 postas de bacalhau (altas)

Leite q.b.

1 cebola grande (ou 2 médias)

2 dentes de alho

Noz moscada e pimenta preta q.b.

Azeite q.b.

 

Entalar* as postas de bacalhau no leite. Temperar de sal se for necessário, o bacalhau alto por vezes ainda tem muito sal.

Entretanto fazer uma cebolada com a cebola cortada em rodelas finas, os dentes de alho picados, muito azeite e temperos.

Pôr metade da cebolada no fundo de um pyrex ou outro tabuleiro de ir ao forno. Dispor as postas de bacalhau e por cima pôr a restante cebolada. Pôr umas seis ou mais colheradas do leite de cozer o bacalhau no tabuleiro e levar ao forno até que o bacalhau esteja devidamente cozido e alourado, cerca de 25 minutos.

Servir com um puré de batata e com verduras cozidas.

 

Nota: a minha amiga usa nos temperos, além dos que usei, coentros em pó, salsa desidratada, colorau e o que mais estiver à mão

 

*Entalar significa cozer ligeiramente, ou seja, não cozer completamente

 

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (1) | favorito
|
Terça-feira, 26 de Janeiro de 2016

hoje há bacalhau

 

Agora que já está tudo mais ou menos desenfastiado do bacalhau das festas, está na hora de voltar a pôr o dito na mesa.

Esta receita é fácil de fazer e fica muito boa. Embora também possa ser feita com broa, acho que fica melhor com pão de centeio pois é mais macio. Em vez das nabiças podem ser usados grelos mas nabiças é o que tenho agora na horta. E urtigas (que já deram um belo esparregado!) 

 

Bacalhau com Nabiças

 

bacalhau.png

 

2 postas de bacalhau alto demolhado

5 batatas

1 molho médio de nabiças

1 cebola

2 dentes de alho

3 fatias de pão de centeio da véspera, esfarelado

Azeite q.b.

 

Cozer o bacalhau e as batatas às rodelas grossas.

Cozer as nabiças em vapor.

Separar o bacalhau em lascas retirando peles e espinhas.

Fazer uma cebolada com a cebola cortada em meias-luas, os dentes de alho picados e o azeite.

No fundo de um tabuleiro põe-se as rodelas da batata, por cima as lascas do bacalhau e por cima as nabiças cortadas grosseiramente.

Pôr a cebola sobre as nabiças e por cima espalhar o pão esfarelado. Regar com o azeite da cebolada e levar a forno quente por cerca de 20 minutos, até tostar o pão.

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (2) | favorito
|
Quinta-feira, 11 de Junho de 2015

mais uma salada

 

Estamos no limbo no que às temperaturas diz respeito.

Tanto pode estar um dia em que quase não se pode respirar, abafado e com temperaturas altíssimas como no dia a seguir pode estar encoberto, temperaturas baixas e a ameaçar chuva durante todo o dia.

É o que há…

 

Salada de Bacalhau com Grão

 

IMG_4248.JPG

 

1 posta alta de bacalhau

6 batatas

1 mão-cheia de grão-de-bico

2 ovos

1 cebola

Azeite q.b.

Salsa picada

 

Cozer a posta de bacalhau, as batatas com a pele e os ovos.

Escorrer e retirar pele e espinhas ao bacalhau e separar em lascas, retirar a pele às batatas e a casca aos ovos.

Fazer uma cebolada com a cebola cortada em meias luas no azeite até estar dourada.

Cortar as batatas em rodelas.

Pôr batatas no fundo de uma taça ou pyrex e por cima as lascas do bacalhau, o grão e a cebolada. Polvilhar com salsa picada e enfeitar com os ovos cortados em quartos.

Servir quente ou frio.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (2) | favorito
|
Terça-feira, 24 de Março de 2015

não são os outros...

 

Não são os famosos ‘pasteis de nata de bacalhau’, que nunca provei, mas decerto não lhes ficam atrás já que estas pequenas tartes ficaram uma pequena maravilha!

 

Tartelettes de bacalhau com natas

 

18110633_zATWO.PNG

 

1 embalagem de massa folhada

1 posta de bacalhau com cerca de 200 grs

1 cebola picada finamente

2 dentes de alho

2 colheres de sopa de azeite

1 colher de sopa de farinha

250 ml de líquido de cozer o bacalhau

100 ml de natas

Sal, noz moscada e pimenta preta q.b.

 

Desenrolar a massa folhada e forrar 4 formas de tartelette (aproveitar o papel onde a massa vem enrolada para servir de base).

Cozer o bacalhau numa mistura de água e leite por dez minutos.

Retirar peles e espinhas e esmigalhar muito bem o bacalhau para ficar todo desfiado, sem ser em lascas.

Numa frigideira alourar a cebola e o alho no azeite. Juntar o bacalhau, mexer e salpicar com a farinha. Adicionar o líquido e mexer constantemente para não agarrar (deve ficar um creme pouco espesso). Temperar com sal se necessário, com noz moscada e pimenta preta e envolver as natas.

Deitar esta mistura nas formas forradas com a massa folhada (vai sobrar algum deste creme) e levar a forno quente até a massa estar cozida, cerca de 25 minutos.

Servir com grelos ou espigos cozidos.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Terça-feira, 20 de Janeiro de 2015

diz que sim...

O bacalhau pode querer alho mas no meu entender, quer é azeite. Muito!

E se também houver broa caseira para finalizar, quem não quer?

Esta receita tem vários passos mas não é nada complicada de fazer.

Experimentem.

 

Bacalhau com Espargos

 

bacalhau.JPG

 

20 batatinhas pequenas

2 postas altas de bacalhau

1 molho de espargos

1 cebola bem grande

2 dentes de alho

Azeite

Sal e pimenta q.b.

50 grs de broa ralada ou esfarelada

 

Lavar e retirar alguma impureza das batatas mas sem as descascar, dar-lhes um golpe e cozer num tacho juntamente com as postas de bacalhau e sal, se necessário.

Como o bacalhau coze mais rápido, retirar mal esteja pronto e continuar a cozer as batatas que por estarem inteiras demoram um pouco mais.

Uns cinco minutos antes de as batatas estarem cozidas, juntar os espargos e deixar cozer.

Entretanto lasca-se o bacalhau, retirando peles e espinhas.

Cortar a cebola às rodelas e levar ao lume com bastante azeite para fazer uma cebolada. Quase no fim juntar o alho também em rodelas. Reservar.

Retirar os espargos do tacho. Retirar também as batatas, dar um murro em cada uma e colocar no fundo de um tabuleiro de cerâmica.

Por cima espalhar as lascas do bacalhau e sobre as lascas os espargos cortados ao meio no sentido do comprimento.

Deitar a cebolada sobre os espargos e polvilhar com a broa ralada e pimenta fresca.

Levar ao forno por cerca de meia hora a alourar.

 

Nota: em vez de espargos podem-se usar grelos

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (2) | favorito
|
Terça-feira, 14 de Outubro de 2014

faça sol ou chuva...

Todos sabem que com a chuva os espinafres até saltam de contentes. Estes ficaram muito felizes de fazer parte de uma tão boa refeição!

 

Bacalhau com Espinafres e Puré

 

 

400 grs de migas de bacalhau demolhadas

1 cebola grande cortada em meias luas

4 dentes de alho picados

Azeite q.b.

1 colher de sopa de vinagre

200 grs de espinafres

Puré de batata

Ovo para pincelar

 

Saltear os espinafres numa frigideira até amolecerem. Reservar.

Fazer um puré de batata (pode ser caseiro ou de compra).

Alourar a cebola e alhos em azeite abundante. Adicionar o bacalhau e deixar cozinhar por uns cinco minutos. Salpicar com o vinagre e mexer.

Deitar num tabuleiro esta mistura e por cima espalhar os espinafres. Sobre os espinafres põe-se o puré bem espalhado e pincela-se com um ovo batido.

Leva-se ao forno até alourar.

 

Para fazer o  puré caseiro:

Batatas

Leite

Manteiga

Noz-moscada

Cozer as batatas em água com sal. Escorrer e passar no passe-vite. Juntar leite e manteiga e temperar com noz-moscada. 

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (2) | favorito
|
Terça-feira, 13 de Maio de 2014

tocam os sinos...

 

Não há muito mais a dizer sobre esta receita a não ser que é muito boa. E tem uma história lindíssima a acompanhar, por isso vão ver e experimentem. Vale a pena!

 

Bacalhau à Noiva

 

 

3 postas de bacalhau

1 cebola grande

2 dentes de alho

Vinagre

Azeite

2 cenouras

250 grs de feijão-verde

2 ovos cozidos (usei os dos folares)

Sal e pimenta q.b.

1 ovo batido

 

Puré:

Batatas

Leite

Manteiga

Noz-moscada

 

Cozer as cenouras cortadas em fatias finas e o feijão-verde também cortado em tiras finas. Aproveitar para cozer também os ovos se necessário.

Noutro tacho cozer o bacalhau por uns dez minutos. Retirar e na mesma água cozer as batatas para o puré.

Desfiar o bacalhau e descartar peles e espinhas.

Numa frigideira levar ao lume a alourar a cebola cortada em rodelas bem como o alho picado finamente. Adicionar o bacalhau desfiado e um esguicho de vinagre e reservar.

No fundo de um tabuleiro põem-se as cenouras e vagens cozidas. Por cima dispõe-se o bacalhau com a cebola e por cima os ovos em rodelas.

Com as batatas cozidas faz-se um puré a que se junta leite e manteiga e se tempera com noz-moscada. Espalhar o puré sobre o preparado do tabuleiro e pincelar com um ovo batido.

Levar ao forno por 20 minutos a dourar o ovo.

Servir com salada de beterraba e azeitonas.

 

tags: ,
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (2) | favorito
|
Segunda-feira, 28 de Abril de 2014

isso não se diz!

Acho que o nome não tão politicamente correcto deste prato é uma corruptela de espinheta de bacalhau.

Não sei se é mas seja como for faz parte da nossa tradição gastronómica, chamem-lhe o que chamarem.

 

Punheta de Bacalhau 

 

1 posta de bacalhau demolhada

1 cebola

1 dente de alho

Azeite

Vinagre

Salsa

Pimenta moída na altura

 

Desfiar o bacalhau e descartar peles e espinhas.

Cortar a cebola em meias luas finas e picar finamente o dente de alho.

Misturar bem e adicionar também folhas de salsa. Temperar com azeite e vinagre e com a pimenta.

Servir com broa ou pão rústico e azeitonas.

 

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Quinta-feira, 12 de Dezembro de 2013

outros bacalhaus

Esta receita, mal a vi, soube que tinha que experimentar. E o único senão que lhe aponto é não a ter descoberto mais cedo!!!

 

Bacalhau à Comadre

 

 

300 g de migas de bacalhau, demolhadas

200 g de batata frita palha

2 cenouras, raladas

1 alho-francês, cortado em rodelas finas

1 cebola grande cortada em meias luas

500 ml de leite morno

50 g de farinha

1 noz de manteiga

1 pitada de noz-moscada

sal & pimenta preta moída no momento

azeite q.b.

pão ralado q.b.

 

Saltear a cebola, a cenoura e o alho francês no azeite até amolecer. Adicionar as migas escorridas e envolver deixando apurar por uns cinco minutos. Seguidamente, juntar a batata palha e verificar o tempero (atenção ao sal que as batatas já têm) e deixar amolecer com o  lume no mínimo.

Entretanto fazer o molho bechamel. Derreter a manteiga numa caçarola e juntar a farinha. Adicionar o leite e mexer vigorosamente com uma vara de arames de modo a não formar grumos até engrossar. Temperar com sal, pimenta preta e noz-moscada moída no momento.

Juntar dois terços do molho ao preparado de bacalhau e batatas e deitar esta mistura num tabuleiro de ir ao forno. Por cima espalhar o restante molho bechamel e polvilhar com pão ralado. Levar ao forno até alourar.

Servir acompanhado de azeitonas e de uma salada.

 

Nota: usei migas de bacalhau congeladas e batata frita palha de compra

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (3) | favorito (1)
|
Terça-feira, 25 de Junho de 2013

fresquinho

Nunca tinha usado bacalhau fresco. Depois de experimentado, prefiro o seco.

Mas considerando que, com um cupão de desconto, uma embalagem de 400 grs ficou por 0,19€, não foi nada mau!!!

 

Bacalhau Fresco com Espinafres 

 

 

1 embalagem de bacalhau fresco desfiado congelado (uff!)

1 cebola grande

2 dentes de alho

6 batatas

1 embalagem de espinafres congelados

Pimenta

Azeite q.b.

 

Descongelar o bacalhau.

Descascar as batatas, cortar em rodelas e cozer em água temperada com sal. Escorrer e reservar.

Cozer os espinafres. Escorrer e reservar.

Cortar a cebola em meias luas e os alhos em rodelas.

Levar ao lume uma frigideira com a cebola e os alhos e azeite e fritar até a cebola estar lourinha. Adicionar o bacalhau e deixar cozer por 4 ou 5 minutos. Temperar com pimenta moída.

Num tabuleiro põe-se as batatas em rodelas, por cima espalha-se a mistura de bacalhau e por cima de tudo os espinafres. Se necessário rega-se com um pouco mais de azeite.

Leva-se ao forno quente por 20 minutos.

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Terça-feira, 30 de Abril de 2013

dos congregados

Há uns tempo vi uma receita de bacalhau no blogue Outras Comidas e lembrei-me que já tinha dado por essa receita (ou uma parecida) num livrinho que tenho, só de receitas de bacalhau.

Lá fui procurar o dito livro e embora não exactamente igual, a receita é muito parecida. Logo que pude experimentei e devo dizer que é uma excelente maneira de cozinhar bacalhau. É simples mas fica muito apetitoso.

 

Bacalhau à Congregado

 

 

2 postas de lombo de bacalhau

500 grs de batatas

200 grs de cebolas

3 dl de azeite

2 dentes de alho

6 cravinhos

Salsa picada

Sal

Pimenta moída

 

Cortar as batatas e as cebolas em rodelas. Picar grosseiramente os alhos e a salsa. Separar o bacalhau em lascas grandes, retirando peles e espinhas.

Num tacho de barro põem-se as cebolas em rodelas. Por cima salpica-se o alho e a salsa picada, pimenta e os cravinhos inteiros. Dispõem-se as batatas em rodelas e por cima as lascas do bacalhau. Rega-se com o azeite e leva-se ao lume. Deixa-se cozer em lume brando por cerca de 45 minutos, abanando o tacho se necessário para não pegar.

 

Nota: Receita retirada da revista “111 receitas de bacalhau”

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (1) | favorito
|
Terça-feira, 4 de Dezembro de 2012

bacalhau

Acho que em Dezembro se come mais bacalhau do que nos outros meses. Pela nossa tradição da Ceia mas também porque ao longo do mês vão acontecendo jantares de Natal e mais uma vez o bacalhau acaba por ser o rei da festa.

Esta receita de bacalhau foi adaptada de uma que me foi dada por uma colega. A dela é feita com tudo pronto a usar (as lascas de bacalhau congeladas, batatas pré-fritas congeladas, brócolos congelados e molho bechamel de pacote). Um dia destes experimento mas desta vez fiz uma versão caseira (e mais saudável).

 

Bacalhau com Brócolos

 

 

2 postas de bacalhau alto demolhado

2 cebolas cortadas em rodelas finas

Azeite q.b.

Vinagre q.b.

4 batatas grandes

400 grs de brócolos congelados

Pão ralado q.b.

 

Molho bechamel

3 colheres de sopa de azeite

2 colheres de sopa de farinha

1 copo de água de cozer peles e espinhas do bacalhau

1 copo de leite

Sal e pimenta e noz moscada

 

Desfiar o bacalhau em lascas (ferver as peles e espinhas em água com sal que vai ser usada para fazer um molho bechamel).

Descascar as batatas e cortar em quadrados e cozer em água com sal. Depois de cozidas retiram-se da água e reservam-se. Na mesma água dá-se uma fervura aos brócolos congelados, apenas por dois minutos. Escorrem-se e reservam-se.

Para fazer o molho bechamel aquece-se o azeite numa caçarola, junta-se a farinha e mexe-se bem. Adiciona-se água aos poucos mexendo sempre de forma a não formar grumos. Depois adiciona-se o leite e mexe-se sempre em lume brando até engrossar. Tempera-se com noz-moscada a gosto.

Num tacho faz-se uma cebolada com a cebola e o azeite, quando as cebolas estiverem lourinhas junta-se um esguicho de vinagre e as lascas do bacalhau.

Mexe-se e adicionam-se as batatas e os brócolos. Envolve-se tudo com o molho bechamel e deita-se num tabuleiro que possa ir ao forno e à mesa.

Polvilha-se com o pão ralado e leva-se ao forno até alourar, cerca de meia hora.

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Terça-feira, 9 de Outubro de 2012

à minha moda

Eu acho que não sou esquisita com as comidas mas há algumas de que não gosto mesmo. Ou não gostava.

Arroz de bacalhau é uma delas, sempre que me falavam disso eu pensava blhackkkk, detesto (e bacalhau à espanhola também)!

Mas, não sei por que motivo, no outro dia decidi experimentar arroz de bacalhau. E adorei! O que vem confirmar que apuramos o gosto à medida que… crescemos…

 

Arroz de Bacalhau

 

 

1 cebola picada

1 dente de alho picado

2 colheres de sopa de azeite

1 malagueta

1 fatia de presunto picado

2 tomates

½ copo de vinho branco

Sal q.b.

1 copo de arroz carolino

1 posta grande de bacalhau

Coentros picados

 

Desfiar a posta de bacalhau e com a pele e espinhas fazer um caldo. Reservar.

Refogar a cebola, alho, malagueta e presunto no azeite. Quando a cebola estiver estalada, juntar o vinho e deixar evaporar.

Adicionar o  tomate aos bocados e o arroz e mexer bem. Ajustar os temperos e ir adicionando água (de cozer a pele e as espinhas).

Quando o arroz estiver quase cozido (cinco minutos antes de finalizar) adicionam-se as lascas do bacalhau cru, mais água a ferver se necessário para o arroz ficar cremoso e malandrinho e deixa-se acabar de cozer.

Servir salpicado com coentros picados.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Terça-feira, 17 de Julho de 2012

bacalhau, de novo

Eu sei que no verão ninguém quer ligar o forno mas nem sempre está tanto calor que não se possa e além disso é por pouco tempo, quaisquer vinte minutinhos bastam...

 

Bacalhau com Couve Troncha no forno

 

 

2 postas de bacalhau

6 batatas grandes

2 ovos

1 couve troncha

1 cebola grande

3 dentes de alho

Miolo de 1/3 de pão rústico

1 ramo de cebolinho

1 ramo de aneto

Pimenta

Azeite

 

Cozer o bacalhau em água abundante. Retirar do lume e retirar peles e espinhas. Reservar.

Na água de cozer o bacalhau cozem-se as batatas às rodelas, os ovos e a couve.

Faz-se uma cebolada com a cebola cortada em rodelas, os alhos picados e azeite em quantidade suficiente.

Desfaz-se o miolo do pão (se possível no moinho) e mistura-se ao cebolinho e aneto picados e a pimenta fresca acabada de moer.

Num Tabuleiro põe-se um pouco de azeite no fundo, pode ser da cebolada. Põem-se rodelas de batatas, por cima o bacalhau em lascas e por cima a couve em bocados e ovos em rodelas. Nova rodada de camadas até esgotar os ingredientes.

Por cima polvilhar com o miolo do pão. A cebolada cobre todos os ingredientes e vai ao forno apenas para alourar, cerca de 20 minutos.

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Segunda-feira, 16 de Abril de 2012

estilo à gomes de sá

Cada família deve ter a sua versão de bacalhau à Gomes de Sá. A que aprendi com a minha Mãe é esta, bem fácil de fazer.

Há quem leve este prato ao forno num estilo de ‘se podemos complicar para quê facilitar’ mas lá em casa sempre foi feita esta versão o que não é de admirar porque raramente seriamos menos de 9 ou 10 à mesa. A sorte é que naquela época o bacalhau era barato, até lhe chamavam o fiel amigo.

Agora, nem o pão é barato…

 

Bacalhau à Gomes de Sá

 

 

4 batatas cortadas em quadrados

1 posta grande de bacalhau ou duas pequenas

2 ovos

Sal

Pimenta

Salsa picada

1 cebola grande em meias luas

2 dentes de alho picados

Vinagre

2,5 dl de azeite

Azeitonas

 

Cozer as batatas, o bacalhau e os ovos em água. Se o bacalhau estiver bem demolhado, temperar com um pouco de sal.

Retirar a posta de bacalhau mal esteja cozida e desfiar removendo a pele e espinhas. Reservar.

Escorrer as batatas e descascar os ovos. Cortá-los em rodelas. Reservar.

Num tacho aloura-se a cebola no azeite, quando estiver quase juntam-se os dentes de alho picados e mexe-se, deixando amolecer por mais um minuto. Deita-se um esguicho de vinagre e adiciona-se o bacalhau. Mexe-se e juntam-se as batatas e a salsa e envolve-se bem. Envolvem-se também as rodelas de ovo e tempera-se com pimenta fresca moída. Enfeita-se com as azeitonas e serve-se.

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Terça-feira, 20 de Março de 2012

bom bacalhau

Gosto muito de bacalhau mas a maioria das vezes faço-o desfiado, por um lado porque há milhentas maneiras de o fazer e por outro porque rende sempre mais.

Mas também aprecio uma boa posta, bem demolhada, que se vai comendo em lascas brancas e saborosas.

 

Bacalhau Assado com Alho e Azeite

 

 

2 postas de bacalhau altas e bem demolhadas

6 dentes de alho

Pão ralado

Pimenta preta fresca

3 dl de azeite

 

Passar as postas de bacalhau pelo pão ralado e pôr num tabuleiro de cerâmica ou pyrex.

Descascar os dentes de alho e cortá-los em lascas ao alto. Espalhar sobre as postas de bacalhau e pyrex e polvilhar tudo com a pimenta. Por cima deitar o azeite de modo a ficar com pelo menos um centímetro de altura por todo o tabuleiro.

Levar ao forno durante 30 minutos, até o bacalhau estar assado mas sem deixar secar.

A meio da cozedura juntar ao tabuleiro um puré de batata para que aloure também no forno.

Servir com grelos cozidos.

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Quinta-feira, 16 de Fevereiro de 2012

até já dá para isto

Agora que posso fritar batatas sem gordura sem ter que empenhar um braço e uma perna para comprar uma máquina de fritar sem gordura muito famosa, até já me dou ao luxo de fazer bacalhau com natas!

 

Bacalhau com Natas 

 

 

2 postas de bacalhau

6 batatas

1 cebola

3 dentes de alho

Sal, pimenta e noz-moscada

Azeite q.b.

Vinagre q.b.

2 dl de natas

Molho Bechamel

Pão ralado q.b.

 

Fritar as batatas em quadradinhos.

Cozer o bacalhau. Desfiar em lascas e reservar.

Cortar a cebola e os alhos em rodelas finas.

Fazer um molho bechamel com duas colheres de sopa de manteiga, duas colheres de sopa de farinha, leite, água de cozer o bacalhau, sal e noz-moscada.

Alourar a cebola e alhos em azeite e salpicar com um esguicho de vinagre. Juntar o bacalhau em lascas e também as batatas fritas, o molho bechamel e 1 dl de natas. Mexer e rectificar os temperos com sal e pimenta moída.

Deitar a mistura num tabuleiro de ir ao forno e à mesa. Por cima pôr as restantes natas e polvilhar com pão ralado.

Levar ao forno até alourar.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Segunda-feira, 23 de Janeiro de 2012

de novo o bacalhau

Um prato que é fácil de fazer e fica super saboroso.

 

Bacalhau com Broa e Presunto

 

 

2 postas de bacalhau

6 batatas às rodelas

1 ovo

1 cebola

2 dentes de alho

Vinagre

Azeite

1 copo de miolo de broa

2 fatias de presunto

1 dente de alho

1 raminho de salsa

Sal

Pimenta

 

Cozer o bacalhau. Retirar da água de cozedura e deixar arrefecer.

Nessa água cozem-se as batatas e o ovo.

Quando cozidos, escorrer e reservar.

Entretanto retiram-se as peles e espinhas ao bacalhau e desfia-se em lascas.

Aloura-se a cebola e 2 dentes de alho em azeite. Salpica-se com um esguicho de vinagre.

Numa taça mistura-se o miolo de broa, o presunto picado bem como a salsa e dente de alho picados miudinhos.

Num tabuleiro põem-se as rodelas das batatas, por cima o bacalhau em lascas e o ovo cortado em rodelas. Cobre-se tudo com a mistura de broa e por cima a cebola alourada com o azeite.

Vai a forno bem quente por 20 minutos.

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Quinta-feira, 30 de Junho de 2011

bacalhuças & acelgas

É tão versátil o bacalhau, por mais receitas que façamos ou inventemos é sempre uma maravilha o resultado final.

Acho que à excepção de Bacalhau à Espanhola, um prato que era muito costume lá em casa quando eu era miúda, gosto de todos os pratos de bacalhau, conhecidos e por conhecer {#emotions_dlg.smile}

 

Bacalhau com Acelgas e Natas

 

 

1 cebola grande

4 dentes de alho

1 embalagem de migas de bacalhau

6 batatas médias

1 molho de acelgas (ou espinafres)

azeite

vinagre

pimenta preta

sal

1 dl de natas

 

Alourar a cebola e o alho cortados em rodelas em bastante azeite. Quando estiver louro salpica-se com vinagre e juntam-se as migas de bacalhau demolhadas e escorridas.

Mexe-se bem e adicionam-se as acelgas cortadas em juliana grossa (apenas as folhas ou então espinafre, também apenas as folhas) e tempera-se de sal e pimenta.

Entretanto cozem-se as batatas em rodelas médias e escorrem-se.

Num tabuleiro fazem-se camadas de cebolada com bacalhau e acelgas, batatas às rodelas, novamente a cebolada e por cima põem-se as natas. Leva-se ao forno o tempo suficiente para alourar.

 

Nota: Usei natas de soja do Pingo Doce

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|
Quinta-feira, 2 de Junho de 2011

mais uma

Além do Bacalhau à Gomes de Sá, que faço de vez em quando, as restantes receitas de bacalhau que faço são normalmente invenções do momento e do que anda por lá à espera de ser utilizado, como o funcho que agora está muito produtivo e umas fatias de bôla de azeite, um pão tradicional da zona de S. João da Pesqueira. E que bem ficou nesta receita!

 

Bacalhau com Funcho

 

 

1 cebola às rodelas

1 bolbo de funcho às rodelas

4 dentes de alho às rodelas

2,5 dl de azeite

8 talos de acelgas às rodelas

2 postas de bacalhau

8 batatas pequenas

2 ovos cozidos picados

8 fatias finas de bôla de azeite

salsa picada

azeitonas

rabanetes

 

Cozem-se o bacalhau e as batatas cortadas em quadrados em água temperada com sal. Escorre-se e reservam-se as batatas.

Retiram-se as espinhas e as peles ao bacalhau e separa-se em lascas grossas.

Alouram-se a cebola, funcho e alhos  em azeite. Adicionam-se os talos das acelgas e mexe-se. Juntam-se as lascas do bacalhau e as batatas e envolve-se bem. Misturam-se os ovos picados e a salsa e mexe-se.

No fundo de um tabuleiro dispõem-se as fatias de bôla de azeite. Por cima espalha-se a mistura de bacalhau e batatas e enfeita-se com azeitonas. Rega-se com azeite e leva-se ao forno por 20 minutos. Retira-se e serve-se com uma salada e rabanetes.

 

Nota: A quantidade de azeite pode ser ajustada se o bacalhau for seco.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (1) | favorito
|
Quinta-feira, 14 de Abril de 2011

B&B

Uma variação no tradicional bacalhau com broa.

Esta receita leva couve coração de boi embora também possa ser usada couve lombarda ou outra qualquer, afinal as receitas são apenas sugestões que podermos recriar ao nosso modo!

 

 

2 postas de bacalhau

1 cebola roxa

5 dentes de alho

2 cenouras raladas

1 couve coração pequena (300 grs)

175 grs de broa

2 ovos cozidos

azeite q.b.

vinagre q.b.

oregãos

 

Cozer o bacalhau e os ovos. Desfiar o bacalhau em lascas e reservar.

Na água de cozer o bacalhau dá-se uma fervura por três ou quatro minutos na couve cortada em juliana grossa, escorre-se e reserva-se.

Alourar a cebola cortada em meias luas grossas em bastante azeite (pode-se misturar azeite de orégãos) e os alhos cortados em palitos.

Salpicar com vinagre e juntar as lascas do bacalhau.

Mexer e adicionar a cenoura ralada e a couve coração. Deixar apurar por uns minutos e adicionar a broa previamente esmigalhada.

Salpicar com orégãos e deitar tudo num tabuleiro. Enfeitar com os ovos cortados às rodelas e levar a forno quente por 15 minutos até alourar.

Acompanhar com legumes cozidos e azeitonas.

 

Nota: usei um tacho de paella para fazer esta receita, assim evitei sujar louça extra já que a paellera vai também ao forno.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (2) | favorito
|
Quinta-feira, 30 de Dezembro de 2010

resistentes...

Poucos ingredientes num prato que saíu muito bem. E para os resistentes que ainda podem ouvir falar em bacalhau...

 

bacalhau com alheira e nabiças

 

 

2 postas de bacalhau demolhado

300 grs de nabiças

1 alheira de caça

azeite q.b.

 

No fundo de uma travessa de ir ao forno põe-se um puco de azeite, apenas o suficiente para untar. Por cima dispõem-se as postas do bacalhau que não devem ser muito altas.

Sobre as postas colocam-se as nabiças previamente cozidas e saltedas em azeite e alho e sobre estas a alheira sem a pele e espalmada de forma a cobrir o bacalhau.

Vai ao forno até o bacalhau estar bem cozido e a alheira com aspecto tostado, cerca de 30 minutos.

Servir acompanhado de verduras cozidas.

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:00
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (3) | favorito
|
Quinta-feira, 28 de Outubro de 2010

1002

Não sei se esta receita já existe, acho que mais ou menos a inventei ao sabor do momento. Se for este o caso, já existem 1002 receitas de confeccionar bacalhau!

 

Nasceu, mais uma vez, da necessidade de comida que não precisasse de grande esforço de maxilares... 

 

Bacalhau com Batatas, Courgetes e Cenouras Raladas 

 

 

2 cebolas

2 dentes de alho

2 dl de azeite

vinagre q.b.

2 postas de bacalhau

3 batatas raladas

2 cenouras raladas

1 courgete ralada

50 ml de natas

 

Molho branco

2 colheres de sopa de manteiga

2 colheres de sopa de farinha

400 ml de líquido (água de cozer o bacalhau e leite)

sal, pimenta e noz moscada

 

Coze-se o bacalhau. Reserva-se alguma água de cozer e retiram-se as peles e espinhas. Desfia-se.

Ralam-se as batatas, as cenouras e a courgete. Reservam-se.

Num tacho alouram-se as cebolas cortadas em meia lua e os dentes de alho em azeite. Quando estiver lourinho salpica-se com umas gotas de vinagre e junta-se o bacalhau desfiado. Mexe-se bem e adicionam-se as batatas, cenouras e courgete raladas. Vai-se mexendo de vez em quando e entretanto fas-ze o molho branco.

Num tachinho derrete-se a manteiga (pode ser usada margarina) e adiciona-se a farinha mexendo bem e depressa. Adiciona-se o líquido (água de cozer o bacalhau e leite) e mexe-se bem até engrossar, cerca de 10 minutos. Tempera-se de sal, pimenta e noz moscada.

Junta-se o molho branco à mistura do bacalhau que está ao lume, rectificam-se os temperos e vira-se tudo para um tabuleiro de ir ao forno, de cerâmica é melhor. Por cima deitam-se as natas e polvilha-se com pão ralado.

Vai a forno bem quente  até estar douradinho e a borbulhar, cerca de 30 minutos.

Servir com uma salada ou legumes cozidos.

 

tags:
publicado por belitaarainhadoscouratos às 13:30
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (2) | favorito
|
Sábado, 1 de Maio de 2010

um bom dia

Mais uma novidade da época: as ervilhas tortas (ou ervilhas de quebrar). São muito tenrinhas e a sua época é bastante curta por isso o melhor é aproveitar enquanto há!

 

Bacalhau no forno com ervilhas tortas

 

 

 

2 postas grandes de bacalhau

8 batatas

250 grs de ervilhas tortas

2 ovos

2 cebolas

2 dentes de alho

1 haste de aipo

2 dl de azeite

1 colher de sopa de vinagre

12 azeitonas

 

Cozer o bacalhau por 20 minutos. Retirar da água e nessa mesma água cozer as batatas descascadas e cortadas em rodelas grossas. Quando levantar fervura, adicionam-se as ervilhas tortas e os ovos. Deixar cozer por 15 minutos e escorrer.

Descascar os ovos e limpar o bacalhau de peles e espinhas, separando em lascas grandes.

Entretanto prepara-se uma cebolada numa frigideira com as cebolas cortadas em rodelas fininhas, o aipo cortado também em rodelas e os dentes de alho picados. Deixa-se alourar e adiciona-se uma colher de sopa de vinagre.

Num tabuleiro deitam-se umas colheres de cebolada, por cima põe-se uma camada de batatas, ervilhas e ovos. Sobre esta camada põem-se as lascas do bacalhau e tempera-se de pimenta fresca. Mais uma camada de cebolada e novamente batatas, ervilhas e ovos. Por cima põe-se a restante cebolada e enfeita-se com azeitonas. Volta-se a polvilhar com pimenta.

Vai ao forno quente alourar por 20 minutos.

 

publicado por belitaarainhadoscouratos às 15:06
link do post | mandar uns bitaites | ver bitaites (1) | favorito
|
Sexta-feira, 29 de Janeiro de 2010

para o fim de semana...

Nunca tinha feito Bacalhau Espiritual. Comi uma vez num restaurante, há anos, e não gostei por isso não me tentava a experimentar.

Aqui há uns tempos, a espreitar blogs de cozinha que aprecio, descobri uma receita que me pareceu boa e que, se não fosse, também não vinha mal ao mundo porque não dava muito trabalho a fazer.

Ficou espectacular e já faz parte das minhas preferências. Esta receita é uma variação de uma que veio daqui.

 

Bacalhau Espiritual

 

 

 

2 postas médias de bacalhau demolhado
2 cenouras grandes
1 cebola grande
2 dentes de alho

azeite q.b.
sal e pimenta q.b.

3 pães
1 copo de leite morno

Molho Béchamel

2 colheres de sopa de margarina

2 colheres de sopa de farinha

1 copo de leite*

1 copo de água de ferver o bacalhau*

2 ovos (separar gemas das claras)


Pique a cebola, as cenouras e os dentes de alho na picadora. Aloure tudo num tacho com azeite durante cerca de 5 minutos.
Escalde as postas de bacalhau num tacho com água, deixando levantar fervura. Retire o bacalhau para arrefecer e reserve a água para fazer o molho bechamel.

Desfie o bacalhau e junte-o ao refogado.
Entretanto demolhe o pão partido em pedaços no leite morno, escorra e junte o pão à mistura de bacalhau. Envolva bem.

Faça um molho bechamel com 2 colheres de sopa de margarina derretida num tachinho, adicione-lhe 2 colheres de farinha mexendo sempre e adicione 1 copo da água de cozer o bacalhau e 1 copo de leite. Mexa sempre até engrossar, ajuste o líquido se necessário e tempere com sal, pimenta e noz moscada.
A metade do molho bechamel junte as 2 gemas de ovo e envolva tudo no preparado anterior.
Verifique os temperos. Coloque a mistura num tabuleiro de ir ao forno.
Bata as 2 claras em castelo firme e junte-lhes o restante bechamel. Cubra o preparado de bacalhau com este bechamel e leve a forno quente até ficar dourado. Sirva de imediato com uma salada verde ou com legumes cozidos (grelos, feijão verde, bróculos, etc.)

 

* Esta receita é versátil e se tivermos bacalhau já desfiado de compra, pode-se fazer sem ser necessário fervê-lo pelo que nesse caso, para o molho bechamel, pode usar apenas leite e saltar o passo de ferver e desfiar o bacalhau...

publicado por belitaarainhadoscouratos às 08:00
link do post | mandar uns bitaites | favorito
|

mais sobre mim

cuscar

quantos são? quantos são?

HTML Hit Counter
pc computer components

digam qualquer coisa

coolinaria@sapo.pt

A Belita no Facebook!

My taste

mytaste.pt

armazém de receitas

tags

todas as tags

os meus livros de receitas, alguns...

blogs SAPO

subscrever feeds